Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

31/05/2007 - Diário de Cuiabá Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia descobre “fábrica” de documentos


Ao tentar localizar um suspeito de fraudar uma escritura imobiliária, policiais da Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos (Derrf) de Várzea Grande depararam com uma verdadeira fábrica de documentos falsificados e dinheiro. Foram apreendidos R$ 15 mil em notas falsa de R$ 5, além de 31 papéis com timbre do Cartório do 6o Ofício de Cuiabá, 17 do cartório de Chapada dos Guimarães e várias notas fiscais em branco.

Os policiais tentaram localizar Cláudio Castro Correia, de 41 anos, no bairro Dom Aquino, em Cuiabá, mas só acharam dezenas de documentos falsos. A apreensão ocorreu ontem de manhã.

O que chamou a atenção dos policiais é que no computador apreendido aparece um arquivo para reproduzir certidão de nascimento. Segundo o delegado Antônio Carlos Garcia, com um documento falso desse é possível “inventar” uma pessoa. A partir daí, tirar todos os outros documentos.

“Levando em conta que é possível criar dezenas de documentos, o falsário poderá abrir contas bancárias, tirar cheques, fazer compras na praça e dar um belo golpe. Então, você multiplica isso por 10, por 50”, exemplificou. Conforme o delegado, existe um inquérito que investiga a falsificação de uma escritura de um terreno no bairro Duque de Caxias em Cuiabá.

“Acontece que, para montar a escritura, foi usado o nome de duas pessoas para falsificar documentos no cartório de Bonsucesso, em Várzea Grande. Essas pessoas já morreram e passaram (o documento) no nome de uma terceira pessoa, uma mulher, que garantiu nunca ter comprado o imóvel”, explicou o delegado.

Com o documento, foi realizada uma transferência no Cartório do 2o Ofício, em Cuiabá, regularizando a documentação montada. Os policiais apreenderam também várias escrituras no escritório de Cláudio, suspeitas de serem fraudadas. Caso se confirme, o golpista poderá ser indiciado mais de uma vez.

O delegado lembrou que Cláudio foi indiciado na falsificação da documentação do terreno. “Caso comprovem as demais fraudes, ele (Cláudio) será indiciado em mais inquéritos por estelionato”. (AR)

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 450 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal