Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

06/09/2010 - Jornal de Notícias Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Rede acusada de burlar seguradoras começa a ser julgada

Por: Salomão Rodrigues


Começa, hoje, terça-feira, em Espinho o julgamento de 43 pessoas acusadas de burlar cinco seguradoras através da simulação de acidentes. Devido ao elevado número de arguidos, as sessões vão decorrer na Nave Desportiva de Espinho. O "cabecilha" deste esquema encontra-se em fuga.

Há cerca de dois anos que as autoridades procuram deter o homem, 40 anos, que geria uma oficina em Lobão, Santa Maria da Feira. Fugido à justiça, conseguiu usufruir do Rendimento Social de Inserção. Ao que apurou o JN, terá fugido há dias da Maia para Angola, país onde conseguiu recentemente a nacionalidade.

O início do julgamento é o culminar de uma investigação da PSP que acabaria por concluir que os suspeitos desenvolveram um esquema fraudulento de acidentes, entre 2000 e 2006, para receber as respectivas indeminizações.

O esquema de fraude passava por dois tipos de acidentes. Uns eram previamente combinados, definindo-se os locais dos acidentes e que parte do veículo deveria sofrer o embate. Noutros, os suspeitos embatiam contra veículos cujos condutores não sabiam que estavam a ser alvo de fraude.

A Rotunda de Santo Ovídio, em Gaia, foi um dos locais onde mais se registaram acidentes deste tipo. Os suspeitos sabiam como bater e culpar os lesados da culpabilidade dos acidentes. Algumas das viaturas envolvidas eram previamente preparadas com peças estragadas. Os valores das reparações eram depois imputados e pagos pelas seguradoras, que agora pedem uma indemnização de cerca de um milhão de euros.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 263 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal