Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

06/09/2010 - Jornal Digital Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PJ apreendeu 27 obras falsificadas em Cascais


Lisboa – A Policia Judiciaria (PJ) fez a maior apreensão de sempre em Portugal de obras falsificadas de grandes nomes da pintura universal como Picasso, Miró, Matisse, Chagall, Degas, Caravaggio, Renoir, entre outros. As obras destinavam-se a serem vendidas como autênticas no mercado da especialidade.

Conforme comunicado da PJ, no âmbito da denominada «Operação Traço Fino», e na sequência duma busca domiciliária à residência em Cascais de um homem de 55 anos, foram apreendidos 27 quadros presumivelmente falsos, de pintores como Picasso, Miró, Matisse, Chagall, Degas, Caravaggio e Renoir.

Foram também apreendidos, diversos certificados que visavam atestar a pretensa originalidade dos trabalhos. As obras destinavam-se a serem vendidas como autênticas no mercado da especialidade, tendo já sido para o efeito introduzidas nos respectivos circuitos.

Em comunicado, a PJ adianta que a «apreensão em causa constitui-se na maior de sempre efectuada em Portugal envolvendo tão consagrados autores, o que é indiciador do país integrar as grandes rotas internacionais da falsificação de pintura».

A PJ acrescenta que está a seguir atentamente o fenómeno e alerta os eventuais interessados na aquisição de pintura para que adoptem todas as cautelas na verificação da origem para garantir a sua autenticidade, antes de concluir os negócios.

O suspeito, que foi detido em flagrante delito, foi presente ao Tribunal competente tendo ficado sujeito a medidas e apresentações periódicas no posto policial da sua área.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 183 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal