Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

24/08/2010 - cidadeverde.com Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ex-prefeito e vereador presos acusados de "ação criminosa"

PAVUSSU: Quatro pessoas foram presas e são acusadas até de forjar assaltos e até suicídios. Decisão é do TJ do Piauí.

Assim é descrito o documento da Polícia, após conclusão do inquérito policial contra o ex-prefeito da cidade de Pavussu, Josimar da Costa e Silva e acusados. Diante da investigação, o desembargador do Tribunal de Justiça do Piauí, Erivan Lopes decretou a prisão do ex-prefeito, do vereador de Altos, Antônio Ribeiro Paiva, e ex-controlador geral de Pavussu, do ex-presidente da Câmara, Francisco de Assis Ferreira Ferro e de Gessimar da Costa e Silva, irmão do ex-prefeito.

Eles são acusados de falsidade ideológica, desvio de recursos públicos, falsificação de documentos, fraude em licitações e outros crimes. O terço de acusações é longo e pega mais de 40 crimes, segundo relatório do próprio desembargador.

Simulação de assaltos

No documento do desembargador, é relatado que os quatros presos são acusados também de participar de simulações de assaltos. Houve uma subtração de R$ 200 mil da prefeitura de Pavussu em suposto assaltos.

Outra denúncia é de um falso suicídio. Uma liderança teria escrito uma carta a família deixando claro que iria pôr fim a vida devido atuação do bando.

Um total de 12 pessoas estaria envolvido na ação criminosa na prefeitura de Pavussu. Até funcionário fantasma é registrado. Uma pessoa fictícia de nome Joaquim Vargas Fernandes Sobrinho teria recebido R$ 14 mil por serviços de um trator. No entanto, segundo o documento, o trator é de propriedade do ex-prefeito.

As acusações também são de que na Prefeitura existia um “cabide de emprego” para parentes.

Os quatro foram presos e encaminhados a Casa de Custódia como determinava o desembargador Erivan Lopes.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 218 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal