Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

17/08/2010 - IDG Now! Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Veja como evitar as fraudes no Facebook

Por: Jared Newman

Saiba como proteger seu perfil de fraudes e ataques na rede social mais popular do mundo.

Como muitos golpes no Facebook, o botão "Dislike", (algo como “não curti”, em português) obteve sucesso porque muitos usuários são ingênuos ou desatentos.

Olhando um recente relatório da empresa de segurança Sophos é possível notar um padrão compatível entre o novo ataque e os antigos ataques ao Facebook. Portanto, para não ser enganado, é importante conhecer essa ameaças.

Fique atento

Primeiro, um pouco de bom senso sempre ajuda. Veja com ceticismo quando o seu amigo postar uma mensagem não habitual. Por exemplo, se seu antigo colega do colégio postar "Ai Meu Deus, Justin Bieber arriscando um flerte" no Facebook. Desconfie!

Após isso, olhe as últimas atualização do perfil dele. É possível saber de onde a mensagem foi postada na rede social. Então se o conteúdo foi postado diretamente pela rede social, estará escrito "via Facebook". Caso seja uma atualização de progresso de um jogo, Mafia Wars, por exemplo, estará escrito "via Mafia Wars Game".

Os recentes ataques como o botão "Dislike", "Justin Bieber arriscando um flerte", "Estudante atacou seu professor e quase o matou" não tem o seu próprio aplicativo – então eles não podem usar recursos de aplicativo legítimo, como enviar atualizações de status.

Questionar o que vem depois do "via" é importante porque, ao clicar em um link, você poderá ser redirecionado para uma página de instalação de um aplicativo malicioso.

Além disso, algumas aplicações direcionam o internauta para um site externo, saindo do Facebook. O "Dislike", por exemplo, direciona as pessoas para sites como fbdislikeit.info.

Sempre que você for encaminhado para um site externo com o propósito de instalar uma nova ferramenta, tenha cuidado. Nunca instale algo a partir de uma fonte em que não confia – especialmente quando a fonte parece ser "oficial".

As boas notícias é que estes golpes em particular não são tão prejudiciais, e você pode desfazer o dano, eliminando-os no item "Configurações de aplicativo", na própria página do Facebook.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 170 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal