Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

10/08/2010 - Diário de Notícias Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Tinham 123 cartões falsos e ficaram em liberdade

Os dois homens terão sido responsáveis por dezenas de movimentos bancários indevidos que ascendem a mais de 50 mil euros.

Através de cartões multibanco contrafeitos, dois homens apoderaram-se de mais de 50 mil euros em levantamentos indevidos. Na sua posse a Polícia Judiciária (PJ) encontrou 123 cartões, correspondentes a outras tantas pessoas lesadas. Foram detidos mas depois de presentes a tribunal estão em liberdade com a obrigatoriedade de apresentações diárias no posto policial da área da residência.

A investigação foi desenvolvida pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ e ainda não terminou, podendo haver mais pessoas implicadas. Para já, na "Operação Atlântico" foram detidos dois homens, de 37 e 26 anos, por suspeita da prática de vários crimes de contrafacção de títulos equiparados a moeda - os chamados cartões multibanco - e burla informática.

As detenções foram o culminar da investigação que decorria há vários meses, após inúmeras denúncias de lesados, residentes na zona da Grande Lisboa. Foram cumpridos vários mandados de busca que resultaram na apreensão de diverso equipamento utilizado na contrafacção.

O modo utilizado é já conhecido das autoridades. Eram colocados dispositivos em caixas multibanco que faziam a cópia das bandas magnéticas em que constam os elementos bancários dos utilizadores. Com a gravação desses dados noutros cartões eram depois utilizados para os detidos fazerem os levantamentos em numerário.

Na posse dos detidos estavam 123 cartões contrafeitos e os movimentos bancários realizados ascendem a mais de 50 mil euros. Segundo a PJ, o prejuízo efectivo é superior a 20 mil euros.

A PJ aproveita para chamar à atenção dos utilizadores do multibanco para terem cuidado aquando da utilização das caixas ATM. "É importante que a população esteja atenta quando efectua as operações, de não permitir que pessoas estranhas visualizem a marcação do código secreto", afirmou ao DN fonte ligada à investigação.

Fundamental é também ver se algum dispositivo estranho se encontra junto à ranhura onde são introduzidos os cartões. Embora muitas destas técnicas criminosas não sejam visíveis a olho nu, outras são perceptíveis.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 168 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal