Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

07/08/2010 - Infonet Notícias Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Cuidado com os falsos dentistas

Por: Kátia Susanna

De acordo com o Conselho Regional de odontologia a consulta com um falso dentista pode acarretar em problemas de saúde irreversíveis como contrair Aids, hepatite e até câncer de boca.

Uma pratica ilegal e que pode causar sérios riscos à saúde da população. A equipe do Portal Infonet acompanhou durante esta semana o fechamento de uma clínica clandestina de odontologia que funcionava em Nossa Senhora do Socorro. De acordo com a vigilância sanitária do município e a investigação da polícia o homem identificado como Edgar Júnior da Silva, de 64 anos, atua como dentista há pelo menos quatro anos.

A polícia confirmou que em 2006, Edgar foi notificado e teve a clínica fechada por exercício ilegal da profissão. A descoberta do falso profissional preocupou a vigilância sanitária de Socorro que rapidamente enviou ofício para as autoridades pedindo explicações sobre o idoso. De acordo com a coordenadora da Vigilância Sanitária do Município de Socorro, Clauderci Dantas, o local e os equipamentos utilizados não possuíam condições adequadas para o funcionamento da clínica.

A coordenadora alertou que o falso dentista realizava cirurgias e extração e que todo o resíduo de sangue era escoado a céu aberto na rua. Clauderci menciona que a população pode colaborar com o trabalho dos agentes da vigilância denunciando toda pratica que julgar suspeita através do (079) 21067421.

Apesar da gravidade da denúncia, existe a informação de que o falso dentista continua realizando consultas livremente.

O Conselho Regional de Odontologia de Sergipe (CRO) também se pronunciou sobre o caso e fez um alerta para que a população não caia na cilada dos falsos profissionais. O presidente do CRO esclareceu que no Estado existem cerca de 1200 profissionais e que é preciso uma fiscalização mais intensa da vigilância sanitária de Aracaju.

“O conselho não tem poder de polícia, é preciso à fiscalização através da vigilância sanitária. O falso dentista está incluso no exercício ilegal da profissão, então é preciso que a vigilância se faça mais presente”, observa.

Saúde

Segundo o presidente do CRO o tratamento ou consulta com um falso dentista pode causar prejuízos a saúde. “É bom esclarecer que não se trata de concorrência, mas uma defesa da sociedade que pode causar uma séria de problemas como Aids, hepatite e câncer de boca”, alerta.

Cuidados

Augusto Tadeu lembra que a população pode denunciar a pratica ilegal da profissão através do 08002846123 ou ainda enviando email para o CRO no crose@crose.com.br.

Vigilância

A equipe do Portal Infonet entrou em contato com a vigilância sanitária de Aracaju, mas a informação é que nenhum responsável estava no local para falar sobre o assunto. Para entrar em contato com o jornalismo basta enviar email para jornalismo@infonet.com.br ou ligar através do (079) 21068000.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 197 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal