Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

31/07/2010 - O Tempo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia Federal entra nas investigações sobre golpe

Por: Thaíne Belissa

Órgão identificou alguns indícios de crime contra o sistema financeiro

A Polícia Federal entrou nas investigações sobre o golpe financeiro contra os clientes da Firv Consultoria e Administração de Recursos Financeiros, que teria lesado cerca de 2.000 vítimas em aproximadamente R$ 95 milhões em Minas Gerais. O suspeito Thales Maoioline, sócio majoritário da empresa, está desaparecido desde a última sexta-feira, dia 23.

Um inquérito já havia sido aberto, na última quinta-feira, mas o caso estava sendo tratado como estelionato, cujas investigações cabem à Polícia Civil. Entretanto, desde ontem, a PF começou a identificar indícios de crime contra o sistema financeiro, e, nesse caso, a apuração compete ao órgão federal.

A assessoria de imprensa da PF informou que o material coletado está sob análise da Corregedoria Regional do órgão, mas não divulgou mais informações "para não atrapalhar as investigações".

Segundo uma das vítimas que denunciaram o golpe, um grupo formado por seis dos clientes lesados entregou à PF, ontem, provas documentais como o contrato dos valores aplicados na empresa. "Contamos nossa história para o delegado e mostramos os documentos. Quando ele percebeu que se tratava de uma história séria, se interessou pelo caso e disse que faria o possível para nos ajudar", afirmou a vítima.

Ela se disse mais animada com a possibilidade de recuperar parte do dinheiro investido. "A Polícia Federal pode atravessar muitas barreiras. Se houver empenho das duas polícias, acredito que o Thales pode ser encontrado", declarou.

Desaparecido. Thales Maoioline não possui passaporte registrado na Polícia Federal. A informação foi revelada ontem por um delegado a uma das vítimas do esquema e, posteriormente, confirmada por fontes da PF. "A polícia suspeita que Thales ainda esteja na América, em locais onde se pode ir sem o passaporte", disse a vítima. Há, ainda, a possibilidade de que ele tenha fugido com um documento falsificado.

O delegado Anselmo Gusmão, da Polícia Civil, informou que ainda não vai pedir a prisão de Thales, pois as investigações "são muito recentes". O investigador, porém, revelou ter encaminhado o inquérito à Justiça, com a intenção de pedir autorização para a execução de novas e mais detalhadas investigações.

Segundo Gusmão, o motorista de Thales e duas mulheres que teriam ido com ele a São Paulo serão ouvidos depois de amanhã. Até o momento, 12 pessoas deram depoimentos sobre o caso só em Belo Horizonte.

Delegado promete agilidade

Desde que começaram a surgir as primeiras denúncias sobre o golpe aplicado pelo empresário Thales Maioline, vítimas de diversas cidades mineiras têm se mostrado bastante abaladas. O clima de desespero já bateu às portas do delegado Anselmo Gusmão, que, constrangido pelos relatos, prometeu agilidade nas investigações.

"Ouvi caso de gente que quer se matar por causa dos prejuízos. Essas pessoas já perderam tanta coisa, que não quero deixá-las esperando mais", afirmou.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 526 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal