Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

23/05/2007 - UOL Notícias / EFE Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Secretária que tentou vender segredo da Coca-Cola é condenada


Washington, 23 mai (EFE).- Uma mulher que trabalhou como secretária na Coca-Cola, e tentou vender à rival Pepsi os segredos da fabricação da bebida, foi sentenciada hoje, em Atlanta, a oito anos de prisão.

Joya Williams, de 42 anos, havia sido declarada culpada, em 2 de fevereiro, das acusações de conspiração, devido à sua tentativa frustrada de vender o segredo por US$ 1,5 milhão.

"Este é o tipo de delito que não pode ser tolerado em nossa sociedade", declarou o juiz federal J. Owen Forrester, ao ditar a sentença.

Ibrahim Dimson, outro dos acusados, foi condenado a cinco anos de prisão.

O terceiro acusado, Edmund Duhaney, ainda não recebeu sua sentença. Dimson e Duhaney haviam se declarado culpados.

O plano fracassou porque empregados da Pepsi alertaram a empresa rival, após terem recebido uma carta de um dos cúmplices de Williams, na qual se pedia dinheiro em troca da informação.

Williams havia trabalhado como assistente administrativa do diretor global de marcas da Coca-Cola e, segundo a Promotoria, se apropriou de documentos confidenciais da empresa, e de mostras de produtos que ainda não haviam chegado ao mercado, com o objetivo de vendê-los para a Pepsi.

A defesa argumentou que Williams foi enganada por dois indivíduos com antecedentes de fraudes, e que ela não havia cometido delito algum.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 327 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal