Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

26/07/2010 - O Globo Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresário goiano está preso em Angola acusado de falsificação de documentos

Por: Evandro Éboli


BRASÍLIA - Com a ajuda do Itamaraty, a família do empresário brasileiro Enézio Alves Rosa o localizou em Luanda, detido numa delegacia no Bairro Popular. O jornalista Rogério Tadeu Silva, genro de Enézio e que vive em Angola, informou que o empresário na manhã desta segunda-feira no aeroporto de Luanda, quando embarcava para o Brasil. Segundo Rogério, policiais argumentaram que havia uma ordem de prisão contra Enézimo, que foi acusado pela angolana Zélia Ondina de ter falsificado documentos para abrir sua empresa, a construtora Tecnic Energy, sete anos atrás. O jornalista afirmou que Enézio, nem ninguém da família ou advogados da empresa, tinham conhecimento dessa ação e negam qualquer irregularidade no processo de abertura da empresa. Rogério afirmou que Enézio nunca recebeu sequer qualquer intimação para comparecer a audiência. No processo, Zélia diz que a empresa seria de sua propriedade, e não de Enézio. Rogério afirmou que Zélia era uma antiga amiga da família.

- Hoje mesmo os advogados levaram todos os documentos, mas, por causa do horário (são quatro horas a mais em relação ao horário de Brasília) o encontro com o procurador do caso ficou para amanhã. É uma história descabida. Ele está preso numa cela com sete presos comuns. Estamos indignados, a denúncia não se sustenta - contou Rogério ao GLOBO.

Apesar da prisão, Rogério assegura que não há condenação contra Enézio. O mandado contra o empresário foi despachado pelo Departamento Nacional de Investigação Criminal.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 222 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal