Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

15/07/2010 - Portal Terra Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia do PR prende estelionatário com 850 cartões clonados


A Polícia Civil do Paraná prendeu, na quarta-feira em Pinhais (região metropolitana de Curitiba), um estelionatário considerado pelos agentes como o maior do Estado. Marcos Roberto de Souza, 36 anos, tinha em sua residência 20 dispositivos do tipo "chupa-cabra", utilizado para clonar cartões de banco e 850 cartões falsos de diversas bandeiras.

Na oficina de Souza, foram encontrados, ainda vários equipamentos de leitura ótica e inserção de dados, uma impressora para confeccionar cartões bancários e cerca de R$ 10 mil em dinheiro. No momento da prisão, o suspeito apresentou documentos falsos à Polícia.

Durante interrogatório, Souza explicou que escondia os equipamentos em quiosques das próprias instituições bancárias. Além disso, ele instalava uma câmera para filmar a digitação da senha dos clientes. Após capturar os dados, ele imprimia os cartões para saques e compras.


Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 380 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal