Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

06/07/2010 - Diário de Natal Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estudante de direito é preso acusado de clonagem de cartões na Grande Natal


Policiais civis da Delegacia de Currais Novos, sob o comando do delegado Cláudio Ferreira, cumpriram na tarde desta terça-feira(6), em Nova Parnamirim, um mandado de prisão em desfavor do estudante de direito Erick de Góis Ferreira, 31 anos, sob acusação de estelionato. Ele fazia compras pela internet e no comércio local usando cartões clonados. A polícia apreendeu uma impressora de cartões e diversos objetos comprados de forma irregular como dois televisores de LCD.

Segundo o delegado, na última quinta-feira, dia 1º, foram preso Walderedo Roberto da Silva Júnior e Dairgrey Teixeria Gomes, em Currais Novos, acusados de clonagem. A acusada portava cinco documentos de identidade falsos. A dupla, ao ser presa, ofereceu R$ 5 mil em espécie aos policiais e acabou, também, autuada por corrupção.

A polícia continuou as investigações e, nas diligências, identificou Erick de Góis como sendo um dos clonadores. Diante das provas, o delegado solicitou ao Juiz Valdir Flávio Lobo Maia, da Comarca de Currais Novos, a expedição dos mandados de busca e de prisão, sendo prontamente atendido. A polícia também cumpriu um mandado de busca em Mossoró na casa de Walderedo Silva.

Na manhã desta segunda-feira, os agentes Raimundo Bezerra, Ubiranildo Saldanha e Armando Paulo, sob o comando do delegado, montaram uma vigilância na Rua Nova Cruz, em Nova Parnamirim, aguardando a chegada do suspeito.

Erick de Góis foi preso no final da tarde carregando uma cama Box adquirida com cartões clonados. O acusado recebeu voz de prisão e, à noite, foi autuado por uso de documentos falsos. Ele estava com uma identidade falsa em nome de Ramiro Odilon Chaves, mas com a fotografia do acusado, além de dois CPFs.

Foram apreendidos duas televisões de LCD de 32´´, um computador, um notebook, duas impressoras multifuncionais, além de uma impressora para fabricar cartões, 32 cartões virgens e 36 cartões em nome de terceiros de diversas bandeiras e instituições bancárias.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 302 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal