Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

08/06/2010 - Revista Fator Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Rastreabilidade, falsificação e contrabando de medicamentos são temas de fórum nacional


Representantes do legislativo, executivo, judiciário, órgãos reguladores, indústrias farmacêuticas, entre outros, discutem o problema crescente no Brasil, no II Fórum Nacional sobre Rastreabilidade de Medicamentos: Prevenção e Combate a Falsificação e Contrabando no Brasil, dia 10 de junho, no Senado Federal

O consumo de medicamentos falsificados, contrabandeados ou sem registro de órgãos reguladores tem crescido não somente no Brasil, mas em todo o mundo, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) – 25% dos medicamentos consumidos nos países em desenvolvimento, como o Brasil, são contrafeitos ou de má qualidade. Em 2010 a OMS estima que mais de 16% dos medicamentos comercializados serão ilícitos, representando um prejuízo de aproximadamente 75 bilhões de dólares para a cadeia farmacêutica mundial.

No Brasil, nono mercado farmacêutico mundial, estima-se que 30% da comercialização de medicamentos sejam informais, compreendendo a falsificação e sonegação de impostos. Dados recentes divulgados pela ANVISA mostram que, em 2009, foram apreendidas 333 toneladas de medicamentos irregulares e cerca de 95% das apreensões se refere a produtos sem registro, ou seja, sem nenhum controle de qualidade do fabricante ou da ANVISA e vendidos em farmácias e drogarias.

Combater a pirataria e a contrafação dos medicamentos a partir de ações integradas de conscientização e ampliação dos mecanismos de controle, como o Sistema Nacional de Controle de Medicamentos em implantação pela ANVISA, são assuntos que serão debatidos no II Fórum Nacional Rastreabilidade de Medicamentos, que contará com a presença de palestrantes, representando o legislativo, executivo, indústrias farmacêuticas, terceiro setor, entre outros, indispensáveis para o fomento ao debate.

O evento compõe as atividades do Programa Ação Responsável (assuntos prioritários do Governo Federal e constantes do PAC de Saúde) e tem como objetivo fomentar o debate sobre o comércio ilegal de medicamentos e promover uma reflexão sobre a necessidade de ampliar as políticas e os mecanismos de controle e de ações de conscientização da sociedade. v.[ II Fórum Nacional Rastreabilidade de Medicamentos: Prevenção e Combate a Falsificação e Contrabando no Brasil”, de 10 de junho de 2010 (quinta-feira), das 9h às 14h , Auditório Senador Antonio Carlos Magalhães - Interlegis - Senado Federal.Realização: Instituto Brasileiro de Ação Responsável.Coordenação: MSc. Edilamar Teixeira.Patrocínio: Cristália, MSD e Sanofi Aventis .Apoio: Governo Federal, Ministério da Saúde, Ministério do Planejamento, Interlegis, Agência íntegra Brasil e Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). [ Inscrições e informaçõeS pelos telefones (61) 3368-6044 e 3274-3191 | E-mail: seminarios@acaoresponsavel.org.br ].

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 169 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal