Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

24/05/2010 - Folha da Região Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Menor é acusado de passar dinheiro falso em Quermesse


Birigui - Um adolescente de 16 anos, está sendo averiguado pela Polícia Civil, como suspeito de tentar passar uma nota de R$ 50 falsificada durante uma quermesse no bairro rural Córrego do Fundo, em Birigui. Uma pessoa que trabalhava na festa percebeu que a nota não era verdadeira e chamou a polícia.

O menor foi interrogado pela PM, e disse que não sabia se o dinheiro era falso. Ele informou que é funcionário de uma fábrica de calçados e que o dinheiro era de seu salário.

Um dos organizadores da quermesse contou à polícia que além daquela, haviam três outras notas, do mesmo valor, aparentemente falsas adquiridas nas barracas da festa.

As quatro cédulas foram encaminhadas à Polícia Científica para exame
pericial. O laudo deve sair em 30 dias. O adolescente foi liberado após registro da ocorrência.

ALERTA

Para não evitar transtornos e prejuízos com notas falsas, o comerciante pode obter informaçõs em diversos pontos para reconhecer uma cédula feita artesanalmente. As notas preferidas pelos falsificadores são as de R$ 10 e, principalmente, as de R$ 50.

O primeiro item a observar é a textura da nota. Geralmente, as cédulas
verdadeiras de papel são ásperas, ao contrário das falsificadas, que são lisas. A coloração é outro ponto importante.

Cerca de 60% das cédulas falsas não possuem marca d'água, impressa na nota para dificultar a falsificação. O fato de o papel ser verdadeiro, porém, não garante que a cédula seja autêntica. Aproximadamente 40% das falsificações do Real são obtidas a partir da lavagem de cédulas de menor valor.

A quadrilha desbota, por exemplo, as notas de R$ 1 e imprime no papel as cédulas de maior valor para aproveitar as marcas originais como fio de segurança, fibras coloridas, microimpressão e marca d'água.

CRIME

A falsificação é crime, de acordo com o artigo 289 do Código Penal, com pena prevista de 3 a 12 anos de prisão. Quem tentar colocar uma cédula falsa em circulação depois de tomar conhecimento de sua falsidade, mesmo que a tenha recebido de boa-fé, pode ser condenado a uma pena de 6 meses a 2 anos de detenção.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 222 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal