Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

21/05/2010 - O Dia Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Comércio teme os falsificados

Vendas de produtos esportivos pirateados aumentam perto da Copa do Mundo. Camisas, tênis, bonés e óculos estão no topo da lista.

Rio - Falsificação de produtos esportivos é um problema que poderá aumentar a preocupação dos comerciantes em ano de Copa do Mundo. Nesse período, as vendas de artigos piratas crescem e lojistas sofrem com a concorrência desleal. Os campeões da pirataria são camisas, tênis, bonés e óculos. O Fórum Nacional Contra a Pirataria e Ilegalidade (FNCP) estima que as perdas em todo o mundo cheguem a R$ 800 bilhões anualmente.
Rafael Belline, secretário-executivo da instituição, afirma que os maiores prejuízos são para os empresários legalizados e para a própria população. “Um grande problema é a sonegação de impostos. O governo deixa de arrecadar com a pirataria”, explica.

Belline comenta que os preços muito reduzidos dos produtos falsificados provocam concorrência desleal. “Quem é legalizado e arca com todos os custos e todos os impostos fica prejudicado. A pirataria vai minando quem trabalha na legalidade”, afirma o secretário-executivo da entidade.

A carga fiscal é grande sobre produtos licenciados. Em alguns casos, os impostos passam de 50% do valor do artigo. Para o consumidor não ser enganado nas lojas que vendem produtos piratas como se fossem originais, Belline aconselha a exigir sempre a nota fiscal. “A nota fiscal é a garantia da legalidade do produto que você está levando”, esclarece.

Segundo o FNCP, a pirataria só pode ser combatida de forma coordenada. União entre governos, organizações marcas e vendedores autorizados é fundamental para coibir esse crime. Para denunciar irregularidades, o consumidor deve acessar o site www.forumcontrapirataria.org e clicar no link ‘Clique-Denúncia’.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 187 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal