Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

18/05/2010 - Bem Paraná / Agência Estado Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF prende três por estelionato em Macapá

Presos foram indiciados pelos crimes de uso de documento falso e estelionato.

Policiais federais da Delegacia de Repressão a Crimes contra o Patrimônio, da Superintendência Regional do Estado do Amapá, prenderam em Macapá três pessoas que tentavam sacar fraudulentamente valores de precatório judicial depositados na Caixa Econômica Federal.

De acordo com a PF, um dos suspeitos possuía uma relação com vários nomes de pessoas que tinham processos na Justiça do Trabalho com valor de precatório judicial depositado na Caixa pendente para pagamento. Com nome e CPF de algumas pessoas constantes na lista, declarando que eram de um escritório de advocacia e que possuíam procuração das mesmas, o trio foi à CEF checar se os valores estavam aptos a serem realizados.

Os estelionatários foram descobertos quando um deles, com uma procuração falsa do Cartório do Município de Mazagão, também no Amapá, e cópia de documentos de identidade falsos, tentava sacar cerca de R$ 627 mil de uma mulher de 88 anos.

Um funcionário da Caixa, desconfiado, ligou para o Cartório, que informou que não havia sido feita procuração outorgada ao suspeito. Acionada a Polícia Federal, os três foram presos Com eles, foram apreendidos algumas procurações falsas em nome de outras pessoas e cédulas de documentos de identidade em branco.

Os presos foram indiciados pelos crimes de uso de documento falso e estelionato, ambos na forma tentada. Se condenados, podem pegar até cinco anos de prisão.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 246 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal