Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS



Promoção BLACK WEEK. Até o dia 02/12 valor promocional para o Treinamento sobre Fraudes Crédito e Comércio ! CLIQUE AQUI.


Acompanhe nosso Twitter

13/05/2010 - Diário do Pará Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Quadrilha é presa por particar golpes no INSS


Luiz Franklin Pinheiro Cardoso, 31 anos, Celice Campos Rodrigues, 26, e Flávio Ferreira Jordão, 65, foram presos anteontem à tarde, acusados de praticar golpes contra o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). Eles foram flagrados quando saíam de uma agência bancária, na travessa Mauriti. Os acusados foram levados para a Seccional de São Brás, mas depois foram encaminhados para a sede da Polícia Federal, na avenida Almirante Barroso.

“Eles responderão por falsificação de documento, uso de documento falso e estelionato”, afirmou o delegado Ivanildo Santos, titular da Seccional de São Brás.

Segundo o delegado, tem ocorrido uma verdadeira febre de estelionatários dando golpes ao INSS, com isso os bancos têm procurado se prevenir cada vez mais. Agora, quando há desconfiança de saques fraudulentos, os funcionários da agência bancária entram em contato com a polícia para verificar a veracidade das informações apresentadas no banco. Ao perceberem que a documentação é falsa, a Polícia Civil se dirige até o local e após o flagrante, efetua a prisão dos criminosos.

Foi dessa forma que a polícia prendeu os três. Enquanto o idoso entrou na agência para efetuar o saque, os dois, ficaram do lado de fora em um carro, à espera dele. No momento em que houve a desconfiança dos funcionários do banco e a confirmação da fraude, os policiais civis foram até a agência. A investigadora Valéria Franco entrou para verificar o caso, quando foi informada de que o idoso já estava de saída. Quando ele ia entrar no carro com os comparsas, Flávio Jordão foi abordado pela investigadora. Os demais foram abordados pelos investigadores Marco Cavalcante e Marcelo Calandrini. Ao revistarem o carro pertencente a Luiz Franklin, os agentes encontraram vários CPF’s e cartões de benefícios falsos, além de carteiras de identidades, cujas pessoas não existem. Havia também uma agenda em que os criminosos possuíam todo o controle do que era sacado e em nome de quem já tinha sido sacado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 288 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal