Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

12/05/2010 - Portal Amazônia Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Homem é preso por falsificação de extintores de incêndio

Por: Isaac de Paula


MANAUS – A Polícia prendeu na tarde de hoje (12) um homem flagranteado por falsificação de extintores de incêndio, que eram vendidos em Manaus. No local onde era feita a recarga dos produtos, foram encontrados pó químico, tinta, adesivos e rótulos do Inmetro falsificados. Os agentes investigam agora uma possível ligação com trabalhadores de dentro das empresas legalizadas.

Nestor dos Santos Cesário, de 46 anos, foi preso após uma denúncia feita a Ouvidoria do Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem/AM). Ele é acusado de levar os extintores para o quarto de uma casa na Avenida Miranda Leão, Centro de Manaus, onde também funcionava uma venda de verduras, legumes e frutas, para falsificar os rótulos das empresas, o selo e o lacre do Inmetro.

Segundo a assessora do Ipem, Marlúcia Almeida, o produto era vendido a preços reduzidos a estabelecimentos e embarcações. “O perigo em caso de um incêndio real é muito grande. O acusado muitas vezes trocava o produto químico por água, e vice-versa”, explicou.

De acordo com o gerente de qualidade do Ipem, Francisco Lima, a Polícia vai investigar agora o fornecimento do pó químico, que ainda não teve a origem esclarecida. A suspeita é que funcionários de empresas que trabalham com extintores estejam ligados ao esquema ilegal.

Cesário foi encaminhado ao 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e vai responder por falsidade ideológica, uso irregular da marca do Inmetro, estelionato, entre outros crimes.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 238 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal