Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

11/02/2006 - Diário de São Paulo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Fãs do U2 caem em golpe de venda de ingresso na internet


A corrida por um lugar no Estádio do Morumbi para ver a banda irlandesa U2, nos dias 20 e 21, foi a brecha usada por estelionatários para aplicar golpes via internet e enganar fãs de todo o país.

Um dos criminosos, que se identifica como Douglas França, invadiu a comunidade virtual Ultraviolet (em que fãs da banda trocam informações) oferecendo ingressos por R$ 250. Passando-se por assessor parlamentar do deputado federal Vadão Gomes (PP-SP), ele conseguiu vender pelo menos 11 ingressos para fãs de São Paulo e do Paraná. As entradas nunca chegaram às mãos das vítimas.

O dinheiro dos fãs-R$ 2.750-foi depositado em contas bancárias do Bradesco e Banco do Brasil em São José dos Campos (a 91 km de São Paulo), provavelmente em nome de laranjas. A polícia paulista já está investigando o estelionatário e tem informações de que outros criminosos estariam agindo em Campinas, Araçatuba, Belo Horizonte e no estado de Goiás.

A assessoria do deputado Vadão Gomes disse que o parlamentar não tem contato com nenhuma pessoa chamada Douglas França, muito menos tem relação com a venda ou distribuição de ingressos para os shows do U2.

A estudante paranaense IXXX CXXX, de 26 anos, estava ficando impaciente. O mês de janeiro já estava terminando e ela não havia conseguido garantir sua entrada para o show. Foi quando entrou no site da comunidade UItraviolet e viu um anúncio que lhe saltou aos olhos.

- O cara dizia que tinha dez ingressos, e, como nem conhecia o U2, pretendia vendê-los - contou a fã.

Segundo IXXX, o estelionatário dizia pela internet que havia ganhado os ingressos porque era assessor parlamentar.

- Eu quis acreditar, porque não tinha conseguido comprar o ingresso por vias normais e os cambistas estavam cobrando R$ 400, R$ 500 pela entrada. O convite era para ver o show da pista (setor correspondente ao gramado do estádio) - lembra. O estelionatário deixou um número de telefone para que a estudante entrasse em contato. O falso assessor parlamentar pediu que Izis depositasse R$ 250 em uma conta corrente do Banco do Brasil em São José dos Campos.

- A conta está em nome de Márcia Helena Vicente - diz a vítima.

- Era dia 25 de janeiro. Ele disse que mandaria o convite por Sedex e que estaria em minha casa no dia 27 de janeiro, no máximo. Estou esperando até agora - lamenta a estudante. IXXX diz que um fã de São Paulo e outra de Recife também foram vítimas do golpista. A vítima pernambucana não foi mais localizada na comunidade virtual. Ela também teria pagado por um ingresso.


Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 510 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal