Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

26/04/2007 - DCI Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Nova tecnologia dos bancos chega ao cliente

Por: Cintia Baio


Para os bancos, 2007 vai representar a consolidação das inovações tecnológicas, fato prometido há tempos para os clientes, mas que antes não saiam de centros de experimentação.
“A boa fase da economia impulsiona a concretização de projetos de tecnologia em bancos. As instituições estão com capital para investir e de olho em produtos novos, principalmente os que unem mobilidade e Internet”, diz Luis Marques de Azevedo, consultor da Federação Brasileira de Bancos (Febraban).
De acordo com o consultor, dados da Febraban indicam que só em 2005, quase um terço das transações bancárias foram feitas pela Internet.
Bradesco
O Bradesco é um dos bancos que prometem novidades. Entre as prioridades citadas pelo vice-presidente do banco, Laercio Albino Cezar, está o sistema de digitalização de cheques.
Com o serviço, o banco pretende disponibilizar, até junho deste ano, a consulta e o acompanhamento de cheques emitidos pelos clientes diretamente da Internet.
“Disponibilizaremos mais de 50 milhões de cheques, frente e verso, para a consulta na Internet. Assim, o cliente não precisa vir para a agência e o banco ganha tempo, já que o software fará a digitalização e a conferência de assinatura, por exemplo, em poucos cliques”, explica Cezar. Para a implementação do projeto, o Bradesco já investiu R$ 40 milhões e acredita que, em cinco anos, o investimento será recuperado.
Além da digitalização, o banco, que investiu R$ 1,4 bi em tecnologia no ano passado, desenvolve sistemas de pagamento e consulta de contas via celular , biometria (veja box) e é uma das poucas empresas no Brasil que testam WiMax, tecnologia para acesso à Internet ainda em fase de análise pela Anatel. “Temos três agências em Osasco que já usam WiMax e o objetivo é expandir para mais 17 até o final do ano. Com a tecnologia, o risco de o sistema cair é menor e o banco prevê uma economia de até 30% ”, declara Cezar.
Unibanco
No Unibanco, expansão do uso de token (dispositivo de segurança que gera senhas aleatórias para o usuário no momento da transação bancária), troca de terminais de auto-atendimento, inovações no call center e remodelação do site são as ordens de 2007.
“Essas são as prioridades este ano. Para combater as fraudes, distribuímos tokens para 40 mil clientes e a expectativa é que até o final do ano 150 mil usuários já utilizem o dispositivo para as transações”, disse Fernando Malta, Diretor de Canais de CRM do Unibanco.
Malta ressalta ainda que os clientes do banco vão contar com um atendimento mais personalizado quando entrarem em contato com o call center: “Será possível direcionar o cliente para o mesmo grupo de atendentes em todas as ligações, por exemplo, ou saber, pelo número do telefone, o que ele tem procurado nos últimos meses”, explica Malta.
A substituição de todos os terminais de auto-atendimento e a inserção de novos softwares também serão concluídas em 2007, mas o banco não revela quanto será investido nas melhorias.
Real
No Real, uma equipe exclusiva, composta por quatro pessoas, se concentra em criar as novas invenções do banco. “Neste ano, apresentamos a caneta digital, que transforma toda a escrita em documento eletrônico. Assim, os funcionários não precisam inserir novamente os dados no computador, basta plugar a caneta”, diz Mileny Nelly, superintendente de Arquitetura e Inovação.
“Este ano, teremos notebooks com GPRS [acesso móvel à Internet] para que os gerentes possam ir até a casa do cliente para negócios exclusivos e o caixa móvel, que permite efetuar pagamentos em um equipamento sem fio”, completa Nelly.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 387 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal