Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

22/04/2007 - Maracaju News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Quadrilha de falsários presa em Corumbá


A Polícia Civil prendeu ontem três homens acusados de pertencer a uma quadrilha que vinha falsificando convites, passes de ônibus e ingressos para shows na cidade. A polícia investiga desde dezembro de 2006 a falsificação de três mil ingressos para os shows das bandas Revelação, Harmonia do Samba e Inimigos do HP e ainda dois mil tíquetes do bloco carnavalesco Afoga o Ganso.

Os falsários foram descobertos a partir da prisão em flagrante no centro da cidade, ontem de manhã, de Waldecir Santana Rocha, 44 anos. Ele se preparava para comercializar 500 vales-transporte municipais, a R$ 1,00 a unidade, e confessou que recebeu os passes de Valdir Ribeiro de Souza, 40 anos, localizado mais tarde no seu local de trabalho, a Gráfica Folha de Corumbá.

Com Valdir, no interior da gráfica, os policiais encontraram 2.592 ingressos de shows já realizados em Corumbá e ainda 3.255 passes de ônibus intermunicipais, armazenados em uma sacola. O acusado negou que usava a gráfica para falsificar o material apreendido, mas a polícia localizou no local um carimbo encontrado no verso do vale-transporte, prensa e lâmina de marca d’água.

O terceiro acusado preso é Alexander Fontoura da Silva, 22 anos, irmão de Carlos Henrique da Silva Junior, que, segundo Valdir Ribeiro, era o responsável pelas falsificações encomendadas de Santa Cruz de la Sierra, cidade boliviana distante 600 km da fronteira com Corumbá. Carlos Henrique não foi localizado pela polícia. O trio detido será autuado por crime de falsificação, estelionato e formação de quadrilha.


Nota

No final da tarde de ontem, o Grupo Pantanal de Comunicação, a quem pertence a gráfica onde trabalha Valdir Ribeiro de Souza, divulgou nota colocando-se à disposição da polícia para esclarecer o caso que envolve um de seus funcionários. "A empresa aguarda somente posição da Justiça para tomar as providências cabíveis, inclusive com demissão do funcionário", encerra o comunicado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 359 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal