Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

29/04/2010 - iOnline Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Homem que dizia ter sémen sagrado foi condenado a dez anos

Por: André Patrocínio

O ex-funcionário do Ministério da Defesa foi obrigado a pagar a cada uma das lesadas 20 300 euros.

Nissim Aharon foi funcionário do Ministério da Defesa de Israel. Ontem, depois de um acordo, foi condenado a dez anos de prisão devido a burla qualificada, extorsão de dinheiro, sodomia, abusos sexuais, ameaças de terrorismo, obstrução à justiça e falsificação de documentos.

Ao longo de anos, o israelita de 59 anos aproveitou-se da ingenuidade de várias mulheres, novas e velhas. Muitas pagavam-lhe mesmo grandes quantidades de dinheiro. Tudo por acreditarem que era um rabi sagrado. O israelita apresentava-se como um "homem santo", com poderes "para curar o corpo e a alma". E para isso dizia às mulheres, algumas adolescentes, que o seu sémen era sagrado e curava" se tivessem relações sexuais com ele.

De acordo com o tribunal do distrito Petah Tikvah, Nissim Aharon terá ainda alegado pertencer aos serviços secretos de Israel. O autor da fraude foi condenado a uma pena de prisão e a pagar uma indemnização de 100 mil shequeles (equivalente a 20 300 euros) a cada uma das cinco queixosas. O seu comportamento foi definido pelos juízes como "inaceitável, talvez mesmo monstruoso. Não há palavras para descrever quão horrendos foram os seus actos. Não conseguia satisfazer o seu apetite sexual e não havia meios que não usasse para conseguir explorar mulheres, novas ou mais velhas", acrescentaram.

Nissim Aharon foi detido em Agosto, depois de se ter aproveitado do seu cargo e da sua autoridade como rabi para se aproximar das mulheres, que o viam como um homem correcto.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 485 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal