Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

21/04/2007 - RMT Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Membro de quadrilha que clonava cartões de crédito é preso em CG


Um dos integrantes de quadrilha de estelionatários que praticava golpes em várias partes do País foi preso ontem em Campo Grande, ao mesmo tempo em que operação da polícia cumpria mandatos de prisão e de busca e apreensão em São Paulo em Mato Grosso. Duas mulheres que foram presas em São Paulo foram levadas para Cuiabá. A quadrilha dava golpes com cheques roubados e cartões de crédito clonados. Em Campo Grande foi preso Levi Ferreira da Silva (38), acusado de praticar os golpes em Mato Grosso do Sul.

Ismar Magalhães de Araújo (37) agia junto com a filha, Natália Araújo de Souza (19). Com elas foram apreendidos talões de cheques roubados de um carro forte. Os cheques eram emitidos no comércio de todo o país, inclusive de Mato Grosso e compensados diretamente nos bancos.

Há oito meses a policia cumpre mandados de busca e apreensão. Até o momento já foram presas quinze pessoas, acusadas de participar da quadrilha. A estimativa é de que a quadrilha arrecadava com os golpes cerca de R$ 1,5 milhão por mês. As duas mulheres vão ser interrogadas na segunda-feira (23). Elas foram encaminhadas para o presídio feminino Ana Maria do Couto de Cuiabá.

A polícia acredita que a quadrilha agia há pelo menos seis anos. Outros acusados estão sendo procurados. Há suspeita de participação de funcionários de bancos e gráficas.

Na quinta-feira de manhã a Polícia Civil já havia prendido outros três homens suspeitos de cometer crime de estelionato em Cuiabá. As prisões aconteceram nos bairros Bosque da Saúde e Jardim Itália. Segundo o delegado Rogério Modelli, da Delegacia Fazendária, a polícia chegou até os fraudadores por meio de denúncia anônima. As investigações começaram na semana passada.

João Pedro Cerbalio (41), Jesuel Neves da Silva (42) e Rafael Taceliuca (24) foram presos por volta de 7h. Na casa deles foram apreendidos vários documentos falsificados, como RG, certidões de nascimento, cartões de banco e talões de cheques. O delegado disse que a investigação partiu do registro de uma empresa fantasma que os suspeitos abriram usando nomes falsos. Os três teriam, de acordo com informações da polícia, aberto conta em um banco e feito financiamentos. "Ainda não sabemos se eles agiam só em Cuiabá ou também em cidades do interior", explicou o delegado.

No final da tarde de quinta-feira, o delegado apreendeu um veículo Polo, de cor prata, que havia sido roubado em São Paulo. O carro estava na casa de Jesuel Neves da Silva, suspeito de participar de uma quadrilha de estelionatários. Também foi apreendida um pistola Bereta, calibre 22, que estava em poder de Rafael Taceliuca, enteado de Jesuel.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 536 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal