Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

27/03/2010 - Agência Financeira Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Google vence processo de falsificação de marcas de luxo

Louis Vuitton, LVMH e Dior acusaram o motor de busca de permitir o acesso a falsificadores.

O Google saiu vitorioso de um processo em que era acusado de violar marcas de bens de luxo. Em causa, estava a alegada «autorização» para que falsificadores de marcas utilizassem links de publicidade enganosos, avança a Associated Press.

A União Europeia considerou que o motor de pesquisa não poderia ser responsabilizado por solicitações dos anunciantes para a colocação de anúncios, desde que os removesse quando fosse detectada uma situação de abuso e apropriação de uma marca registada.

A acusação partiu de empresas francesas como a Louis Vuitton, LVMH ou Dior. No caso de se sentirem lesadas, em relação ao uso indevido das marcas, as firmas estão aptas a pedir uma indemnização num tribunal local. O tribunal europeu delegou aos tribunais nacionais as decisões futuras sobre a responsabilidade do Google em situações deste tipo.

Ainda assim, deixou claro que irá analisar se o papel do motor de busca na admissão de anúncios directamente no seu site é «neutro» ou se «aponta para uma falta de conhecimento ou controlo sobre os dados armazenados».

«Esta decisão representa um passo fundamental no sentido de clarificar as regras que regem a publicidade online», disse o vice-presidente da LVMH, Pierre Gode. «Estamos comprometidos a trabalhar com todas as partes, incluindo o Google, para erradicar as práticas ilícitas na Internet», concluiu.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 207 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal