Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

23/03/2010 - Zero Hora Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Delegado indicia dono de lotérica e funcionária por estelionato em NH

Por: Letícia Barbieri

Eles podem pegar uma pena de um a cinco anos de reclusão.

O delegado Clóvis Nei da Silva, titular da 2ª Delegacia da Polícia Civil de Novo Hamburgo (RS), indiciou hoje por estelionato o dono da Lotérica Esquina da Sorte, José Paulo Abend, e a funcionária Diane Samar da Silva, 21 anos, que não validou uma aposta milionária da Mega Sena, no final do mês passado. Eles podem pegar uma pena de um a cinco anos de reclusão.

— Entendo que houve má-fé. Ela por não registrar o jogo e ele por não fiscalizar — explicou o delegado.

Segundo o delegado, os dois devem responder em liberdade já que colaboraram com as investigações. Clóvis considerou ainda que o dono da lotérica obtinha um lucro abusivo sobre o bolão. De acordo com o delegado, a Caixa foi vítima no caso.

Entenda o caso

Um grupo de 40 moradores de Novo Hamburgo alega que venceu o grande prêmio de R$ 53 milhões sorteado pela Mega Sena no dia 20 de fevereiro. Eles apostaram em um bolão na lotérica, localizada no centro do município gaúcho. Receberam como comprovação do jogo uma folha com oito números, seis deles os mesmos sorteados pela Caixa Econômica Federal (CEF).

O banco alega, no entanto, que a aposta não foi feita. Após o episódio, a CEF suspendeu as atividades da lotérica. O local permanece fechado desde o dia 22 de fevereiro.

O grupo de apostadores entrou na Justiça para garantir o acesso ao prêmio.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 191 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal