Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

14/03/2010 - Diário de Leiria Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Identificados falsos funcionários da ASAE que burlavam


A GNR anunciou a identificação de três alegados burlões, residentes no concelho da Batalha, que se faziam passar por funcionários da Autoridade para a Segurança Alimentar e Económica (ASAE).
Em comunicado, a GNR informa que, quinta-feira, na sequência de duas buscas domiciliárias, identificou e constituiu arguidos três pessoas suspeitas “de estarem envolvidos em diversos crimes de burla onde se faziam passar por funcionários da ASAE”.
Segundo a GNR, as buscas ocorreram no âmbito de um inquérito iniciado a 26 de Fevereiro, na sequência de uma queixa contra um indivíduo cujo nome se apurou ser falso e que “se fez passar por funcionário da ASAE” junto da proprietária de um restaurante em Porto de Mós.
A GNR adianta que este arguido “fez crer [à queixosa] que lhe tinha enviado em data anterior uma contra ordenação para liquidação de uma coima no valor de 199,80 euros” e que, caso não efectuasse o depósito imediato do valor numa conta indicada, “teria de proceder ao encerramento do estabelecimento”.
“Pressionada deste modo, a vítima viria a efectuar o depósito através de código de entidade e referência fornecidos pelo agente do crime, tendo posteriormente verificado que havia sido burlada”, acrescenta o comunicado.
Aos arguidos, de 22, 27 e 29 anos, sem antecedentes criminais, foi apreendido equipamento informático, vários documentos relacionados com movimentos bancários, diversos livros de registo e quatro telemóveis.
“Estes indivíduos são os principais suspeitos deste e outros crimes análogos realizados ao longo de todo o País e participados a esta Guarda”, refere o mesmo comunicado.
A GNR admite ainda que “outras ocorrências idênticas possam ter acontecido sem que as vítimas participassem às forças de segurança”.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 160 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal