Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

30/03/2007 - Revista Fator Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Modelo internacional de Cadastro Positivo chega ao Brasil


São Paulo - Para oferecer soluções que contenham informações positivas de pessoas físicas no País – o conhecido como cadastro positivo - a Equifax do Brasil conta com sua experiência de mais de 100 anos no mercado internacional, através da qual participou da implantação e administração do cadastro positivo em países como Estados Unidos e outros cinco da América Latina: Argentina, El Salvador, Equador, Honduras e Peru. No Brasil, a Equifax já oferece essa modalidade de análise para pessoa jurídica desde a década de 70.

“Hoje o banco de dados da Equifax do Brasil, fornecedora de soluções para gestão de negócios, está entre os maiores do mundo, pois dispõe de 163,8 milhões de informações sobre pessoas físicas e jurídicas”, informa Marcelo Kekligian, vice-presidente de Sistemas de Decisão e Contas Corporativas da empresa. Segundo Kekligian, a experiência da Equifax na administração de bancos de dados positivos em outros países como Estados Unidos e Argentina facilita o uso desse tipo de informação também no Brasil. “Trata-se de um serviço que demanda uma retaguarda muito forte, em que reunimos tecnologia, experiência e inteligência para prestar informações ao mercado que demanda a concessão de crédito”, completa.

O executivo ressalta que, no entanto, por uma questão cultural, o mercado brasileiro ainda é muito reativo e reticente na troca de informações positivas. “Esse processo de aculturação ainda deve dispender um tempo maior, até que os bancos, financeiras, varejo e consumidores entendam bem e passem a utilizar o sistema.”

A adaptação ao novo sistema varia de país a país, conforme fatores conjunturais como estabilidade econômica, por exemplo. Para o Brasil, Kekligian afirma que o cenário atual é extremamente positivo, entre elas está a iniciativa do governo em regulamentar a atividade e manter uma taxa de juros descrescente, o que tem proporcionado confiança no mercado, por outro lado o sistema bancário já possui estrutura tecnológica para realizar as operações de crédito com a agilidade necessária.

Baseada no conhecimento internacional, a Equifax analisa que, em médio prazo, o cadastro positivo fará cair as taxas médias de juros, em função da melhoria da qualidade da informação e, consequentemente maior segurança nas operações. Para os consumidores espera-se uma maior facilidade de obtenção de crédito, operações aprovadas mais rapidamente, além de maior probabilidade de negociar taxas e/ou condições de financiamento. Além disso, ao inserir suas informações em um banco de dados o consumidor também se protege contra possíveis fraudes.

De acordo com pesquisa do professor Michael Staten, da Georgetown University (EUA) os resultados dos países que adotaram o cadastro positivo são encorajadores para estimular o crescimento econômico. O estudo realizado nos EUA revelou que depois de duas gerações com cadastro positivo aumentaram em três vezes os empréstimos para carros e em duas vezes os hipotecários, além de incrementar a venda de bens duráveis e elevar o número de portadores de cartões de crédito.

Perfil da Equifax - A Equifax é líder mundial em informação e inteligência para decisão e gestão de negócios, englobando o maior banco de dados de informação de crédito de consumidores e empresas do mundo. Oferece ao mercado poderosas ferramentas para gestão do risco de crédito de pessoa física e jurídica que auxiliam no aumento da lucratividade e gerenciamento do ciclo de vida dos negócios. Desde 1974 atuando no Brasil, a empresa possui clientes entre companhias multinacionais até pequenas empresas. Em 2006, registrou faturamento global de US$ 1,5 bilhão. | www.equifax.com.br.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 427 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal