Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

02/03/2010 - Bem Paraná Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia descobre local onde funcionava falsa entidade filantrópica

Cinco pessoas foram indiciadas por estelionato e formação de quadrilha.

Policiais do Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos (Nurce), núcleo de Maringá, localizaram nesta segunda-feira (1) uma residência que estava sendo investigada por funcionar como falsa entidade filantrópica. Cinco pessoas que estavam no local foram indiciadas por estelionato e formação de quadrilha.

De acordo com a polícia, as investigações iniciaram há oito meses, depois que o Conselho Municipal de Assistência Social de Maringá (Comas) recebeu diversas denúncias sobre a existência do falso telemarketing e do enriquecimento ilícito dos responsáveis pela falsa entidade. O Conselho então procurou a polícia e informou sobre a falsa entidade denominada de Casa de Amparo ou Casa de Amares.

Durante cumprimento de mandado de busca e apreensão na residência foram recolhidos diversos recibos de venda dos sacos plásticos e um computador que será submetido à perícia, a fim de comprovar as atividades ilegais do grupo que, segundo as investigações, vem atuando em Maringá e região desde 2006.

“Os suspeitos enganavam as pessoas com a finalidade de enriquecimento ilícito, já que não havia nenhuma atividade social desenvolvida pela entidade, que utilizava o CNPJ de uma oficina mecânica, pertencente ao marido de uma das indiciadas, para a emissão de recibos de contribuição para com a entidade Casa de Amparo/Amares”, explicou o delegado Fernando Ernandes Martins, delegado do Nurce de Maringá.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 217 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal