Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

23/03/2007 - Diário do Nordeste Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

‘Cartãozeiro’ baleado na porta do BB


Um homem saiu ferido, ontem de manhã, durante uma tentativa frustrada de aplicar golpes contra clientes da agência Praia de Iracema, do Banco do Brasil, na Avenida Abolição, bairro Meireles. José Adriano Pereira, de 23 anos, natural de Morada Nova (CE), e outro homem ainda não identificado, tinham acabado de instalar um equipamento conhecido como ‘chupa-cabra’ (gravadora de trilhas magnéticas de cartões bancários) em um dos caixas eletrônicos daquela agência bancária e permaneceram no local, possivelmente, esperando as primeiras vítimas.

Quando os dois homens se aproximaram de um estrangeiro que ia utilizar o caixa rápido, com a pretensão de decorar a senha do cartão, um dos vigilantes da agência percebeu e, desconfiado, tentou abordá-los. Segundo a Polícia, houve reação da dupla de estelionatários e foi travada uma luta corporal. O vigilante, da empresa Corpvs - cujo nome não foi fornecido - conseguiu se desvencilhar dos bandidos e efetuou um disparo, que acertou as costas de Adriano. O segundo homem conseguiu fugir, correndo e direção a uma rua próxima.

Socorro

Em poucos minutos, várias viaturas das polícias Civil e Militar foram chegando ao local. A patrulha de prefixo RP 5431, comandada pelo cabo Nilson, da 1ª Companhia do 5º BPM (Aldeota), ainda saiu em perseguição ao fugitivo mas não o alcançou.

“Já descobrimos que o Adriano é natural de Morada Nova, mas ainda não sabemos se tem antecedentes”, destacou o policial militar. Algum tempo depois chegou ao banco uma ambulância do Grupamento de Socorro de Urgência (GSU), que socorreu Adriano para a unidade central do Instituto José Frota (IJF). Mesmo baleado e consciente, ele passou o tempo todo tentando esconder o rosto com a camisa, até que a ambulância o levasse.

O delegado Franco Vasconcelos Júnior, titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), esteve no local e requisitou a presença de uma equipe de peritos do Instituto de Criminalística (IC), que retiraram do caixa eletrônico o equipamento instalado pelos ‘cartãozeiros.’

“O caso será encaminhado a Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF). Fomos acionados por causa da possibilidade de se tratar de um caso de saidinha bancária”, explicou o delegado Franco.

O outro

A Polícia agora trabalha no sentido de identificar o segundo estelionatário, que conseguiu escapar. Durante todo o tempo que permaneceu no local, aguardando socorro médico, José Adriano sustentou ter instalado o ‘chupa-cabra’ sozinho, tentando livrar o comparsa das investigações policiais que serão realizadas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 436 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal