Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

20/01/2010 - Gazeta do Povo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF prende 17 no PR e SP por falsificação de notas de R$ 100

Por: Célio Yano

Ao todo, 100 agentes foram mobilizados para o trabalho. Um 18.º acusado de participar do grupo está sendo procurado pela polícia. Estima-se um prejuízo de mais de R$ 3,5 milhões aos cofres públicos com a colocação das notas falsas em circulação.

Dezessete pessoas foram presas até as 8 horas da manhã desta quarta-feira (20) em uma operação da Polícia Federal (PF) que visa coibir uma quadrilha especializada na falsificação de dinheiro que atua em Curitiba e região metropolitana. De acordo com a PF, uma décima oitava pessoa ainda era procurada na Operação Moeda Falsa, que, além de 18 mandados de prisão preventiva, cumpre 20 mandados de busca e apreensão, nos estados do Paraná e de São Paulo.

Dos 18 mandados de prisão expedidos pela Justiça Federal, 16 foram cumpridos no Paraná e um no interior de São Paulo. Entre os presos, está um advogado que trabalha na capital paranaense. Foram apreendidos ainda máquinas utilizadas na fabricação do dinheiro falso e cédulas em quantia ainda não contabilizada.

Ao todo, 100 agentes foram mobilizados para o trabalho, que foi deflagrado às 6 horas desta quarta, após cerca de um ano de investigação da Delegacia de Repressão aos Crimes Fazendários da Superintendência Regional da PF no Paraná. A polícia não soube informar há quanto tempo o grupo realiza a falsificação de dinheiro, mas diz que iniciou as investigações no momento em que o Banco Central do Brasil detectou um aumento “sensível” na identificação de cédulas falsas no Paraná.

De acordo com a PF, a quadrilha é especializada na produção de notas de R$ 100, mas também trabalha com cédulas de R$ 50. Estima-se que o grupo já tenha “criado” mais de R$ 3,5 milhões em dinheiro falso, que geraram prejuízo à populaçao e aos cofres públicos com a colocação das notas em circulação.

Todo o material apreendido será apresentado às 15 horas desta quarta pela PF, em uma entrevista coletiva que será concedida na sede da Superintendência Regional no Paraná.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 180 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal