Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

01/01/2010 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

MPF denuncia ex-prefeitos, servidores públicos e advogados de Minas Gerais

Esquema de fraude foi apelidado de ‘máfia mineira das sanguessugas’. Onze ex-prefeitos são suspeitos de desviar dinheiro e fraudar licitação.

O Ministério Público Federal (MPF) entrou com ações contra 11 ex-prefeitos de cidades mineiras, além de servidores públicos municipais, advogados e empresários suspeitos de participação em um esquema para fraudar licitações e desviar verbas públicas federais.

O esquema, segundo o MPF, é semelhante ao que ficou conhecido como “máfia das sanguessugas”, que envolveu deputados federais e empresários. No caso da “máfia das sanguessugas”, uma quadrilha atuava para desviar recursos públicos destinados à compra de ambulâncias.

De acordo com o Ministério Público, a “máfia mineira das sanguessusas” começou a atuar em 1999. Ao invés de ambulâncias, os membros da quadrilha adquiriam ônibus usados, alguns com mais de dez anos de uso, para serem utilizados como unidades móveis de saúde. Os líderes da quadrilha, segundo a denúncia, negociavam as fraudes com os agentes públicos dos municípios.

A negociação acontecia inclusive antes da celebração dos convênios. Com a liberação da verba, as licitações eram direcionadas para as empresas pertencentes ao esquema, que, por sua vez, forneciam veículos com valor superior aos preços praticados no mercado. Segundo o MPF, os ônibus era comprados com sobrepreço que variou de 6% a 92% do valor de mercado.

Os municípios mineiros onde as fraudes teriam ocorrido são: Aricanduva, Buenópolis, Buritizeiro, Catuti, Gameleiras, Juvenília, Mamonas, Manga, Monte Azul, Pai Pedro e São Romão.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 290 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal