Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

10/12/2009 - Gazeta do Povo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Dupla aplicava golpes com cartões de crédito em nome de pessoas famosas

Por: Gladson Angeli

Entre os que tiveram os dados roubados estão o apresentador de televisão José Luiz Datena e o técnico de futebol Carlos Alberto Parreira. O golpe rendeu R$ 400 mil aos estelionatários.

Dois homens foram presos, na quarta-feira (9), acusados de aplicar golpes usando cartões de crédito em nome de pessoas famosas. Entre os que tiveram os dados roubados estão o apresentador de televisão José Luiz Datena e o técnico de futebol Carlos Alberto Parreira. Segundo o delegado do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), Francisco Caricati, o golpe rendeu aproximadamente R$ 400 mil.

Para conseguir os cartões, a dupla telefonava para as operadoras solicitando a mudança de endereço. Eles então forneciam todos os dados pessoais das vítimas e recebiam o cartão no “novo endereço”. “Ao solicitar envio de novo cartão, a central das operadoras pedia dados cadastrais dos clientes. Eles tinham essas informações e aplicavam o golpe”, explicou. A polícia ainda investiga como eles conseguiam os dados dos clientes.

A polícia rastreou as remessas e descobriu que os cartões eram entregues em diversos endereços de Curitiba, Campina Grande do Sul, Guaratuba, São José dos Pinhais e Colombo, no Paraná, e em Santa Catarina. De posse dos cartões, os estelionatários realizavam compras no comércio. Os donos dos cartões perceberam que estavam sendo cobrados por compras que não haviam feito e acionaram as operadoras.

A investigação começou em outubro, com a denúncia das operadoras de cartões. Claudemir José da Silva, 24 anos, e Delmar Dair de Lima, 27, foram autuados em flagrante por estelionato, quando recebiam um dos cartões. Eles foram detidos no bairro Santa Quitéria, na residência onde moram.

De acordo com a polícia, eles realizaram mais de 50 cartões em nome pelo menos 40 pessoas. Os golpes lesaram apenas as operadoras, em dois meses. Também foi usado o nome de empresários paranaenses, paulistas e cariocas. Segundo o delegado, apenas em nome de uma pessoa foram gastos cerca de R$ 20 mil.

Os acusados irão responder por estelionato e formação de quadrilha. Eles serão encaminhados ao Centro de Triagem II, onde ficarão à disposição da Justiça.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 328 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal