Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

03/12/2009 - Gazeta Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Cuidado com os golpes da falsa premiação


Nesta época em que se aproxima o final do ano, dados da Delegacia de Defraudações e Falsificações (Defa) demonstram que ocorrências de golpes aplicados por meio de telefones celulares aumentam entre 20 e 25%.

Deste número, 70% são relacionados a golpes de falsa premiação. Por esse motivo, a Polícia Civil alerta sobre alguns cuidados que a pessoa deve tomar para não ser vítima deste tipo de crime.

O número de registros aumenta justamente porque, no período que antecede às festas de fim de ano, as ofertas de brindes e as premiações são mais constantes e os consumidores ficam ávidos por adquirir determinados tipos de produto. Entre os supostos prêmios estão carros, casas e eletrodomésticos.

Essa prática criminosa começa, geralmente, por meio de uma mensagem encaminhada via torpedo a um número qualquer de telefone celular. A mensagem refere-se a diversos prêmios que a vítima teria, supostamente, ganhado. Na mensagem está escrito que aquele aparelho foi sorteado e que a pessoa deve retornar a ligação.

De acordo com o titular da Defa, delegado Lauro Coimbra, algumas pessoas ficam tão felizes por terem recebido um benefício, que nem questionam a origem do prêmio. Segundo ele, a emoção por ter sido "premiado" pode ser uma das grandes inimigas nestas situações.

"A pessoa vê uma propaganda ou toma conhecimento que de alguém foi premiado em uma promoção verdadeira, e quando recebe uma mensagem ou ligação dos golpistas, ela cai, porque também desejava ser premiada. Ela age, muitas vezes, por impulso", diz o delegado.

Assista à reportagem da TV Gazeta:
- Golpe antigo está de volta e agora mais aprimorado: é o golpe da previdência

Segundo Lauro Coimbra, normalmente a pessoa, sem pensar direito na situação, segue as orientações do golpista e só depois percebe que foi vítima. O titular da Defa descreve um dos casos registrados deste crime.

"A vítima, mesmo sem ter participado de nenhuma promoção, recebe um recado de que foi premiada e precisa ligar para um número descrito na mensagem. Ela liga, passa informações e dados pessoais e o golpista diz que para receber o prêmio, é preciso que ela faça um depósito seja para pagar o frete, reembolso postal ou emissão de boleto. A vítima, então, faz o depósito uma, duas, ou até três vezes, e não recebe o prometido", detalha.

Proteja-se

O delegado salienta que, antes de atender a orientação e ligar de volta para o golpista, é necessário averiguar a procedência do brinde, entrando em contato direto com a empresa que supostamente ofereceu a premiação.

O nome de grandes empresas de comunicação, programas de televisão, lojas de departamento, e produtos são utilizados para a realização de golpes.

Pode-se usar a lista telefônica ou Internet para verificar se o número que foi oferecido na mensagem está disponível para tirar dúvidas de consumidores. É importante também verificar se a empresa tem feito promoções.

Além disso, a pessoa nunca deve pagar nenhuma quantia por qualquer prêmio, pois geralmente as promoções reais não exigem que o contemplado tenha qualquer ônus. Em hipótese alguma a pessoa deve fornecer detalhes ou dados pessoais pelo telefone. O delegado também destaca a importância de ser registrada uma ocorrência.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 287 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal