Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

01/12/2009 - Gazeta de Piracicaba Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Falsos agentes


Uma senhora de mais de 70 anos liga para a Gazeta: - Moço, estou nervosa, um homem se identificou, com crachá, como agente da Zoonoses, entrou em casa e pediu para eu sair para ele borrifar veneno contra a dengue. Quando ele foi embora, notei a falta de um telefone sem fio e de um toca-fitas. Ele ainda tentou abrir uma gaveta que estava fechada com chave, mas não conseguiu. O que eu faço?

Esse é apenas um caso do golpe que vem sendo aplicado por falsos agentes de Saúde na cidade. As vítimas, geralmente, são idosos. Eles usam máscara comum e até o equipamento para aplicar o inseticida. A ação dos bandidos está prejudicando o trabalho dos verdadeiros agentes do Centro de Controle de Zoonoses, pois muitas pessoas estão recusando a abrir suas residências.

O serviço de prevenção ao combate à dengue, no entanto, não pode parar, pois colocará a cidade em risco de nova epidemia. O agente do CCZ utiliza o 'nebulizador' equipado com motor, o que não ocorre com os falsos agentes. Antes de abrir a porta para um agente de Saúde solicite o documento e leia-o com atenção, verifique se o carro do órgão está acompanhando o serviço e em caso de dúvida, chame a polícia.

Os filhos devem instruir os pais sobre esse tipo de golpe e outros e deixar em local de fácil acesso números de telefones para que eles possam ligar. Orientá-los, ainda, a nunca abrir a porta para desconhecidos, não informar senhas ou preencher cadastros pessoalmente ou por telefone.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 175 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal