Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

30/11/2009 - Folha de São Paulo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Presidente da CPI da Corrupção diz que fraudes no RS ultrapassaram R$ 350 milhões


A presidente da CPI da Corrupção na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, deputada Stela Farias (PT), apresentou nesta segunda-feira o funcionamento do suposto esquema de corrupção que teria desviado mais de R$ 350 milhões por meio de fraudes nas licitações.

"Os contratos das obras somam mais de R$ 1,3 bilhão. Tudo indica que parte destes recursos tenham sido desviada para o caixa dois de campanhas, estruturas partidárias e para promover o enriquecimento ilícitos dos integrantes do esquema", afirmou a deputada por meio de nota.

Para a deputada, o esquema de fraudes em licitações de obras públicas tem diversas semelhanças com o montado para desviar recursos do Detran-RS.

"Há personagens comuns e, sobretudo, similaridade na forma de viabilizar o pagamento de propina. No caso das licitações de obras, há uma mistura de lavagem de dinheiro através de empresas laranjas e saque na boca do caixa", afirmou.

Na apresentação, Stela mostrou síntese das principais obras que teriam sido fraudadas, os indícios de irregularidades e a lista dos mentores e dos principais operadores do esquema.

"Mostramos a arquitetura do esquema fraudulento que avançou sobre o setor público gaúcho. Trata-se de uma organização criminosa com requintes empresariais e várias frentes de atuação", disse a deputada.

A reportagem não localizou nenhum representante do governo gaúcho para comentar as declarações da deputada.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 193 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal