Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

13/11/2009 - O Regional Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatários fizeram sua segunda vítima em Catanduva, em menos de dois dias.

Por: Fernanda Albano

O primeiro caso foi através do golpe da ‘recompensa’, já o segundo por falsificação de cartão.

Estelionatários fizeram sua segunda vítima em Catanduva, em menos de dois dias.
O primeiro caso aconteceu nesta semana, no último dia 10, na região central. Uma jovem de 19 anos, identificada como L.M.T., relatou que havia sacado a quantia de R$ 2 mil de um banco e em seguida ido para uma loja de variedades. Chegando à loja, um homem teria apontado uma folha de cheque no chão e perguntado se era da vítima. No momento em que a L. teria dito que não era seu, uma segunda pessoas teria aparecido, se apresentando como dono do cheque, preenchido no valor de R$ 9.5 mil, e afirmou estar muito feliz por terem achado o cheque.
Na sequência o suposto proprietário do dinheiro teria afirmado que os dois mereciam um tênis cada um, como recompensa. O suposto proprietário do cheque teria ido em direção à rua Pernambuco e teria voltado com um vale de R$ 100, presenteando seu ‘comparsa’. O comparsa teria deixado sua bolsa com L. e ido em direção à rua Pernambuco e logo voltado com um par te tênis. A vítima teria recebido o mesmo vale para seu suposto presente, e além de estar em posse do cheque de R$ 9.5 mil, que seria entregue a uma pessoa de nome ‘Edson’, no número 497. A vítima então teria deixado sua bolsa com o suposto dono do cheque e seguido em direção ao endereço citado. Chegando, não teria encontrado ‘Edson’ e ao retornar os dois homens teriam sumido.
Na bolsa da vítima havia a importância de R$ 2 mil, cartões e documentos pessoais.
Ao perceber que havia sido lesada, L. procurou a polícia para lavrar boletim de ocorrência.

SEGUNDO GOLPE

Já o segundo caso aconteceu com uma moradora de Palmares Paulista, que após ser vítima de estelionato, lavrou boletim de ocorrência no plantão policial de Catanduva. Segundo relatos de boletim de ocorrência, supostos estelionatários dos Estados da Paraíba e Pernambuco teriam sacado o seguro desemprego da palmarense, identificada como R.S.T., de 37 anos.
A desempregada disse receber o benefício através da lotérica.
A vítima compareceu no Plantão Policial de Catanduva, na manhã do dia 11, e esclareceu que havia cinco parcelas do seguro desemprego para receber.
R. disse que através da lotérica, sacou com o cartão cidadão, duas parcelas no valor de R$ 679,58.
No mês de março, R. teria ido retirar outra parcela e verificou que não estava disponível, sendo necessário juntar documentos e apresentar no Ministério do Trabalho.
Após recurso, a vítima teria conseguido receber a parcela referente ao mês de julho, porém ao tentar receber as parcelas subseqüentes, não conseguiu.
Em relatos no boletim, R. teria entrado em contato com um funcionário da agência bancária no dia 29 de outubro, que teria providenciado o extrato da conta e constatou que haviam sido retiradas duas parcelas do benefício nos dias 17 de agosto e 11 de setembro, no Estado da Paraíba, e uma parcela no dia 23 de outubro, no Estado de Pernambuco. O caso foi registrado como estelionato.
No mês de setembro a Delegacia de Investigações Gerais (DIG) prendeu no centro de Catanduva três pessoas, sendo um homem e duas mulheres, aplicando golpes do bilhete premiado e ‘recompensa’.
Durante a abordagem policial, o homem teria oferecido dinheiro para a polícia, na intenção de se livrar da abordagem.
As duas mulheres foram presas em flagrante por tentativa de estelionato e o homem por tentativa de estelionato e tentativa de suborno. Os três eram moradores do estado do Paraná e possuíam passagem pela polícia do estado do Paraná e São Paulo.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 242 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal