Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

05/11/2009 - Correio do Minho Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

EUA: JPMorgan vai pagar 75 milhões de dólares por tráfico de influência


O banco norte-americano JPMorgan aceitou quarta-feira pagar 75 milhões de dólares para escapar a um processo num negócio de tráfico de influência junto de deputados locais nos Estados Unidos, anunciou a autoridade de regulação dos mercados financeiros, SEC.

O banco concluiu um acordo com a SEC para acabar com o processo judicial.

A JPMorgan vai assim pagar 25 milhões de dólares à SEC, bem como 50 milhões de dólares à colectividade local referida, o condado de Jefferson, Alabama.

O grupo foi acusado de ter efectuado em 2002 “mais de 8 milhões de dólares de pagamentos secretos a amigos próximos de certos conselheiros do condado de Jefferson”, recordou o regulador num comunicado.

Estes eleitos votaram para escolher a JPMorgan Securities como gerente de uma oferta de obrigações que servia para financiar o sistema de tratamento de águas do condado e o banco “tinha compensado o custo dos pagamentos ilícitos impondo ao condado taxas de juro mais elevadas”, indicou a SEC.

A JPMorgan renunciou igualmente a 674 milhões de dólares das despesas que contava facturar ao condado.

O negócio, revelado em Fevereiro, provocou um escândalo nos Estados Unidos.

O condado de Jefferson, que administra a maior cidade do Alabama (Birmingham, com 240.000 habitantes), estava até agora arruinado, incapaz de fazer frente às dívidas decorrentes do negócio com a JPMorgan.

Na vertente penal deste negócio, o antigo presidente da câmara municipal de Birmingham, Larry Langford, foi condenado a 28 de Outubro, situação que provocou a sua demissão, e espera conhecer a sua pena.

Lanford arrisca 805 anos de prisão por 60 delitos, entre os quais desvios de fundos públicos e actos de corrupção passiva, após ter recebido múltiplos bens de luxo de um banqueiro e um lobbyista próximos da JPMorgan.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 202 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal