Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

26/10/2009 - Correio da Manhã Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ghostnet: Como funciona a espionagem informática

Empresa de segurança explica ataques hackers.

A Symantec, empresa especialista em segurança online, divulgou na internet um vídeo onde explica a forma como é feita a invasão dos computadores pelos ‘hackers’ da rede de espionagem Ghostnet, numa tentativa de alertar as pessoas para a possibilidade de roubos de documentos e palavras-passe de contas bancárias.

Em Portugal, a Ghostnet conseguiu penetrar no programa informático da justiça portuguesa, intitulado Citius, roubando dados pessoais dos serviços de Registo e Notariado (base do Cartão de Cidadão) e processos judiciais do nosso país.

O ataque revelou a vulnerabilidade da rede informática da Justiça, colocando em causa o segredo de justiça.

Este mês foram constituídos dois arguidos, na sequência de uma investigação portuguesa à empresa Trusted Technologies, que terão copiado a informação dos sites chineses da Ghostnet.

De acordo com a Symantec, 43 milhões de pessoas já foram enganadas ao fazerem o download de falsos programas antivírus, desde Julho de 2008.

A técnica, baptizada ‘Scareware’, baseia-se num software que é descarregado pelo utilizador do computador e que, posteriormente, permitirá aos seus criadores aceder aos dados de cartões de crédito das vítimas.

No final do vídeo da empresa, é deixado como conselho ter um antivírus actualizado e não descarregar conteúdos da internet se não se conhecer a sua origem.

OUTROS CASOS RECENTES

A polícia está a investigar um ataque informático por parte de hackers à página de empregos do jornal britânico ‘The Guardian’, o qual poderá ter comprometido os dados de aproximadamente 500 mil utilizadores.

Ainda assim, a direcção do diário garante que conseguiram travar o ataque antes de terminarem de roubar os dados.

Em comunicado, o jornal assegura que já contactou por e-mail os utilizadores lesados, colocando-os a par da situação actual.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 225 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal