Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

15/10/2009 - SEGS / InfoMoney Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Registro de veículos batidos ajuda o consumidor na hora de comprar um usado


Todos os casos de sinistros de veículos podem passar, obrigatoriamente, a ser registrados no Detran (Departamento Estadual de Trânsito). A medida, aprovada na última semana pela Assembleia Legislativa de São Paulo, tem por objetivo dificultar possíveis fraudes e também dar ferramentas para que o consumidor tenha informações sobre o carro usado que pretende comprar.

"Hoje, não temos como confiar no carro usado, que o vendedor afirma nunca ter sido batido, já que as seguradoras não são obrigadas a registrar os sinistros no Detran", afirmou o autor do Projeto de Lei 446/2009, deputado estadual Said Mourad (PSC).

Segundo ele, o Detran deverá enviar parecer técnico favorável à proposta. "As seguradoras também gostaram da medida, já que têm interesse em preservar seus clientes", ressaltou.

Medidas tentam coibir abusos de seguradoras

Hoje, as seguradoras não são obrigadas a comunicar algum órgão de trânsito em caso de sinistros. A medida, que na prática cria um cadastro dos carros batidos, foi apresentada após a conclusão de CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) realizada pela Assembleia para verificar abusos que vinham sendo cometidos pelas seguradoras.

"A normatização do setor de seguros é da máxima importância, porque permitirá a fiscalização, tendo em vista a segurança, tanto pública, por conta do crime organizado, quanto pessoal, do ponto de vista da proteção do motorista e do consumidor", explicou Mourad.

Outra medida foi aprovada na última semana pela Assembleia com o objetivo de ajudar a regular o setor de seguros no estado. O Projeto de Lei 445/2009 pretende proibir que as seguradoras imponham aos segurados ou a terceiros as oficinas para conserto de veículos sinistrados. Hoje, de maneira geral, as empresas repassam para os segurados uma lista das oficinas reparadoras ou prestadoras credenciadas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 244 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal