Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

02/10/2009 - Midiamax Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Cego tenta dar golpe na Associação Comercial de Coxim


O estelionatário Augusto José Paes da Silva, 53 anos, ligou para o presidente da ACIAC (Associação Comercial, Industrial e Agropastoril de Coxim), José Luiz Rette e se identificou como o juiz Cláudio Luiz Pareja para pedir a contribuição de R$ 1 mil. Silva disse que o dinheiro seria usado para cirurgia de um homem, cujo nome não foi informado, que iria até a associação buscar a quantia por volta das 13 horas de ontem (1º).

No horário marcado o estelionatário chegou na ACIAC, mas como um dos diretores ainda não tinha assinado o cheque de R$ 500,00, um dos funcionários pediu que ele aguardasse. Silva saiu da sede da associação e ficou aguardando na redondeza. Desconfiado do golpe, o presidente acionou a Polícia Civil, que encontrou o estelionatário na avenida Felinto Muller, onde está localizada a ACIAC.

Ao ser indagado pelos policiais, Silva assumiu que tinha a intenção de tirar proveito da associação, assim como já havia feito em cidades de diversos estados brasileiros. Conforme o delegado Devair Aparecido Francisco, o estelionatário tem várias passagens pelo mesmo crime no Amazonas, Ceará, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Rondônia e São Paulo.

“Contra ele também constam dois mandados de prisão em aberto expedidos por Minas Gerais”, acrescentou o delegado. No mês passado, Silva tentou aplicar o golpe na Federação Espírita de Mato Grosso do Sul. Na ocasião, ele se passou pelo corregedor-geral de Justiça, desembargador Josué de Oliveira para pedir ajuda financeira para um cidadão voltar para Manaus (AM).

A direção da entidade desconfiou e entrou em contato com a assessoria do desembargador, que desmentiu o fato. A polícia foi acionada e prendeu Silva assim que ele chegou à Federação Espírita. Existem informações de que, no Mato Grosso do Sul, o estelionatário tentou aplicar golpes em nome do desembargador Joenildo de Sousa Chaves.

De acordo com o delegado, Silva foi preso por estelionato tentado e encaminhado para a Cadeia Pública de Coxim. O estelionatário é natural de Fonte Boa (AM). A reportagem do Edição de Notícias tentou falar com Silva, mas ele se recusou. “Não me pergunte nada, porque eu não gosto da imprensa”, disparou.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 297 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal