Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

30/09/2009 - Gazeta de Alagoas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Justiça nega recurso a condenado por falsidade ideológica


Os desembargadores integrantes do Pleno do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), durante sessão realizada na última terça-feira (29), indeferiram a unanimidade de votos, o pedido de Revisão Criminal impetrado por Romildo Queiroz Hosi, acusado de falsificação de documento público, com sequência de falsidade ideológica, pela emissão de uma cédula de identidade com outro nome, contendo no verso a sua foto, sua assinatura e impressões digitais de seu polegar.

Romildo Queiroz foi julgado e condenado a pena de quatro anos de reclusão. Por ter confessado espontaneamente o crime, a pena foi reduzida em seis meses, tornando-a definitiva em três anos e seis meses de prisão mais o pagamento de 150 dias/multa. A defesa alegou no pedido re Revisão Criminal que Romildo, à época do crime, era réu primário e que sua culpabilidade foi julgada por fatos ocorridos posteriormente à data do delito.

“A sentença proferida pelo juízo da 1ª Vara Criminal da Capital, bem como acórdão da Câmara Criminal deste Tribunal de Justiça que a confirmou, analisaram cuidadosamente as provas constantes nos autos, as quais foram consideradas suficientes para demonstrar a autoria da materialidade delitiva”, explicou o desembargador Mário Casado Ramalho, relator do recurso, em seu voto.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 274 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal