Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

25/09/2009 - Achei USA Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Brasileiros continuam caindo no golpe da falsa carteira de motorista

Esta semana mais um esquema de fraude de documentos foi desmantelado na Flórida.

O caso se repete: policiais da Flórida desmantelaram um esquema multimilionário que, nos últimos três anos, forneceu carteiras de motoristas falsas a pelo menos 1.500 imigrantes em situação irregular nos Estados Unidos. A maior parte dos beneficiados é dos condados de Palm Beach e Broward, mas as autoridades prometeram suspender os documentos obtidos de forma ilícita. Outras cinco mil carteiras emitidas no escritório de Delray Beach ainda estão sob investigação. Mesmo assim, muitos brasileiros ainda se envolvem com este tipo de fraude e esta semana algumas pessoas de nossa comunidade foram lesadas em quase mil dólares.

“Uma pessoa de origem hispânica ofereceu carteiras de motorista por mais de mil dólares, mas como eu falei que não tinha esse dinheiro ele acabou reduzindo o preço para 200 dólares e eu paguei”, confirma um brasileiro, que por razões óbvias não quis se identificar. O rapaz, que mora em Deerfield Beach, disse que não conseguiria identificar o golpista, pois foi orientado a deixar o dinheiro num envelope, na caixa de correio de sua casa. “Eu o vi pegando o dinheiro durante a noite, mas não vi seu rosto. Só sei que tinha sotaque latino pelo telefone”, explicou o brasileiro.

Outras brasileiras também foram vítimas de um destes aproveitadores. Segundo elas, o homem – de cerca de 50 anos, cabelo e bigode grisalhos e que se apresentou como Wilson – cobrou adiantado pelo ‘pacote’ para o grupo. “Ele disse que tinha um parente no escritório de trânsito de Deerfield Beach e poderia acessar os computadores para validar as nossas carteiras de motorista”, revelou uma delas. Neste caso, porém, o gatuno não teve vergonha de aparecer: ele marcou encontro com as mulheres e recebeu mais de 750 dólares em cash, e nunca mais fez contato. Mesmo assim, elas decidiram não comparecer à polícia para prestar queixa.

Para o agente especial da divisão de investigações de fraudes no estado da Flórida Darren Covar, a comunidade precisa denunciar estas ocorrências. “Nosso interesse é capturar os mentores da contravenção e não as vítimas”, afirmou o policial. Segundo ele, os brasileiros não devem cair na tentação do documento fácil. “É perfeitamente compreensível que as pessoas busquem formas de viver neste país, mas este não é o caminho legal”, alerta Darren.

Carteiras custavam até $2,500

Certamente os dois casos envolvendo membros da nossa comunidade não têm relação com a descoberta dos policiais no sul da Flórida esta semana. O fato é que provavelmente há brasileiros que se aproveitaram da fraude comandada por Jonex Moise, em Delray Beach. Ele, um homem de origem haitiana e 35 anos, já está atrás das grades sob fiança de 130 mil dólares e é acusado de produzir documentos falsos para fornecer a imigrantes. Estes, por sua vez, compareciam ao escritório do departamento de trânsito do estado (Florida Department of Highway Saftey and Motor Vehicles) para serem atendidos por examinadores que faziam parte do esquema. As carteiras eram emitidas sem necessidade de testes escritos ou mesmo prova de direção e custavam para cada imigrante de 1.200 a 2.500 dólares. A farsa só foi desmascarada porque os funcionários do departamento apareceram com ítens (carros e roupas) bem mais caros do que seus salários – em torno de 20 mil dólares ao ano – podiam comprar.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 211 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal