Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS



Promoção BLACK WEEK. Até o dia 02/12 valor promocional para o Treinamento sobre Fraudes Crédito e Comércio ! CLIQUE AQUI.


Acompanhe nosso Twitter

24/09/2009 - TVI Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Fraude no eBay custa milhões de libras a clientes

Criminosos vendiam artigos falsificados de marcas registadas.

Clientes do eBay foram vítimas de uma fraude organizada por uma rede de criminosos que actuava a nível mundial e os levou a comprar tacos de golfe falsificados no valor de milhões de libras. Esta foi maior fraude descoberta pelo site de leilões online.

Para além dos tacos de golfe falsificados, que eram fabricados na China, os criminosos vendiam falsificações de roupas, acessórios e passagens para uma companhia aérea de marcas registadas. De acordo com o tribunal Snaresbrook Crown, todo o material contrafeito foi vendido «a uma escala, crê-se, nunca antes vista», escreve o «Times».

Quando o eBay começou a receber queixas e a desconfiar das actividades fraudulentas, os criminosos produziram facturas para dissipar as preocupações do site e abriram novas contas.

O advogado da acusação, Adam Davis, explicou que «ao longo de cerca de quatro anos, entre meados de 2003 e inícios de 2008, os arguidos e os seus co-conspiradores foram responsáveis pela venda e distribuição de centenas de artigos contrafeitos no valor de milhares, talvez milhões de libras», divulgados a partir e para o Reino Unido, Tailândia, Austrália, Alemanha, Singapura, EUA, Hong Kong e China, classificando o crime como «uma conspiração de verdadeira natureza global.

A fraude foi descoberta quando uma senhora idosa apresentou queixa às autoridades do comércio depois de tentar obter um reembolso em dois clubes de golfe e de as suas cartas de reclamação escritas ao líder da conspiração, Gary Bellchambers, terem sido ignoradas.

Bellchambers foi apanhado pelas autoridades na posse de documentação que provava «a transferência de largas quantias de dinheiro» entre as suas contas no Reino Unido e na Tailândia.

Mais oito pessoas foram detidas, mas apenas duas admitiram, tal como Bellchambers, a conspiração em causa. No entanto, segundo o tribunal, há mais pessoas envolvidas no crime, mas que não foram acusadas por falta de informação para as identificar ou porque vivem no exterior.

O julgamento deverá prolongar-se por três meses.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 245 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal