Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

21/09/2009 - Portal Terra Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ex-presidente do Detran-RS: esquema dividia 24% de contratos


Os deputados do Rio Grande do Sul que integram a CPI criada para investigar denúncias de corrupção no governo de Yeda Crusius (PSDB) assistiram nesta segunda-feira ao depoimento de Sérgio Buchmann, ex-presidente do Detran gaúcho, ao Ministério Público Federal (MPF). No vídeo, Buchmann relata que os acusados de desvio de verba no órgão dividiam 24% dos recursos obtidos junto à fundação que realizava as provas de motorista no Estado.

O governo de Yeda tem sido alvo de acusações desde a Operação Rodin, da Polícia Federal, que investigou o suposto esquema envolvendo fraudes em contratos de prestação de serviços da Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência (Fatec) e Fundação para o Desenvolvimento e Aperfeiçoamento da Educação e da Cultura (Fundae) para o Detran, e que causou o desvio de aproximadamente R$ 44 milhões dos cofres públicos, segundo o Ministério Público.

De acordo com Buchmann, 12% dos valores iam para o empresário Lair Ferst e 12% para os demais acusados. Ainda no depoimento, o ex-presidente do Detran afirma que o então marido da governadora, Carlos Crusius, teria orientado a redistribuição desses valores.

No vídeo, Buchmann afirma ainda que se sentiu isolado no governo e que o "mandaram calar a boca" quando tentou realizar alterações na autarquia.

Além da presidente do colegiado, Stela Farias (PT), participaram da sessão os deputados membros titulares da CPI Daniel Bordignon (PT), Gilmar Sossela (PDT) e Paulo Borges (DEM). Também foram à reunião os deputados Elvino Bohn Gass (PT), Raul Pont (PT) e Raul Carrion (PCdoB).

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 250 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal