Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

11/09/2009 - Achei USA Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Proteja-se do roubo de identidade

Este tipo de crime moderno aumentou 900% no último ano e atinge milhões de pessoas.

O maior caso de roubo de identidade na história dos Estados Unidos – o do pirata informático Albert González, de Miami, que admitiu ter acessado pelo menos 130 milhões de contas bancárias e senhas de cartões de crédito e pode passar os próximos 25 anos na cadeia – colocou as autoridades americanas novamente em estado de alerta com relação a esta modalidade de furto. Mas, ao que parece, os ‘hackers’ estão levando vantagem nesta batalha: somente um em 700 ladrões de identidade são presos pela polícia, o que faz da situação de Gonzáles uma exceção à regra.

O tamanho do problema pode ser medido pelos números astronômicos que envolvem o tema. Por exemplo, o número de equipamentos expostos a códigos que roubam a identidade dos utilizadores aumentou nos últimos 12 meses cerca de 900% e pesquisas indicam que pelo menos 4% dos usuários têm seus computadores infectados por softwares suspeitos. Ou seja, 10 milhões de internautas estão expostos a estes criminosos do terceiro milênio.

As fraudes em cartões de crédito ou de débito custam por ano mais de oito bilhões de dólares aos Estados Unidos. Uma pesquisa recente mostrou que as vítimas preferenciais são jovens entre 18 e 24 anos, mas qualquer pessoa está exposta ao problema – desde o imigrante indocumentado até o maior executivo do banco central americano. De fato, Ben Bernanke, presidente do Federal Reserve, admitiu que foi vítima de um golpe de roubo de identidade.”Trata-se de um sério crime que afeta milhões de americanos todos os anos”, alertou o economista.

Ele e outros americanos costumam gastar em torno de 400 horas para restaurar o crédito depois de uma ocorrência como esta. “E, o que é pior, muitas vezes o cidadão demora mais de um ano para descobrir que está sendo roubado”, afirmou Wayne Ivey, agente especial da Flórida na fiscalização destes crimes, que segundo ele já são uma “epidemia”.

A boa notícia é que a população já começa a perceber a importância da segurança preventiva. Isso inclui não apenas a manutenção constante dos equipamentos próprios, mas também o cuidado excessivo no acesso à Internet em redes públicas, comuns em cafés e aeroportos. “Nestas conexões eu não acesso sequer o meu Facebook”, disse Sean Arries, um especialista em informática.

A seguir, algumas dicas para quem quer se proteger dos ladrões de identidade.

* Esteja atento a qualquer mensagem que peça informações pessoais. É extremamente improvável que bancos, plataformas de pagamento, redes sociais e órgãos públicos peçam dados como senhas, números de cartões de crédito e social security number.

* Toda vez que acessar um banco pela rede, digite diretamente a URL na barra de endereço do navegador. Não clique em links e evite ao máximo entrar por meio de resultado em buscadores. Algumas técnicas utilizadas por criminosos consistem em colocar endereços falsos nas primeiras posições do Google, por exemplo.

* Mesmo após de digitar, certifique-se de que a grafia do endereço está correta. Letras trocadas podem levar a sites falsos. Além disso, após entrar na página, certifique-se de que você continua na mesma página conferindo outra vez o endereço. Sites invadidos, mesmo que autênticos, podem redirecionar usuários para armadilhas.

* Confira se a página do serviço procurado possui certificados de segurança, representados por um cadeado na barra inferior do navegador.

* Tenha sempre um sistema de segurança instalado no seu PC. A combinação de antivírus e firewall é a mais importante.

* Se você tiver dúvidas, não coloque seus dados diretamente nas páginas de serviços como bancos e lojas.

* Algumas operadoras de cartões de crédito oferecem seguros e mecanismos de defesa contra fraudes eletrônicas. Bom para usuários que costumam comprar e investir pela rede.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 274 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal