Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

10/09/2009 - IPC Digital Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia de Chiba maqueia Y$3 bilhões da própria contabilidade

Cerca de 393 delegacias estão envolvidas no escândalo.

A Polícia de Chiba maqueou a própria contabilidade durante cinco anos e terá que devolver Y$3 bilhões aos cofres públicos. Segundo as investigações, só sua diretoria teria que devolver cerca de Y$700 milhões.

As formas mais usadas para o uso irregular do dinheiro foram as compras falsas de material de escritório e o superfaturamento, totalizando cerca de Y$420 milhões.

A Polícia de Chiba tem 401 delegacias. Dentre elas, 393 ou 96% cometaram algum tipo de irregularidade contábil entre 2002 e 2007.

O governador de Chiba, Kensaku Mori, pediu desculpas durante entrevista coletiva na quarta-feira (9) à tarde. Ele lamentou o ocorrido e estuda punições para os envolvidos.

O governo de Chiba vai exigir que o dinheiro seja devolvido aos cofres públicos e pretende processar os responsáveis. No entanto, alguns deles já se aposentaram.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 361 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal