Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

29/07/2009 - EPA - European Pressphoto Agency / EFE Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Juiz concede outro prazo ao UBS para acordo com EUA


Miami, 29 jul (EFE).- Um juiz de Miami concedeu hoje um prazo adicional de 48 horas ao banco suíço UBS para continuar negociando com o Governo dos Estados Unidos, que lhe exige entregar informações de clientes americanos suspeitos de fraude tributária.

O magistrado Alan Gold aceitou a solicitação dos advogados do UBS, em uma conferência telefônica entre as partes, para que informassem como estão se desenvolvendo as negociações para conseguir um acordo extrajudicial.

As duas partes terão outra conferência com Gold na próxima sexta-feira e ainda não chegaram a um acordo. O juiz decidirá se inicia o julgamento em 3 de agosto, mas deixou aberta a possibilidade de adiar seu início até 10 do mesmo mês.

Eugene Stern, advogado do banco suíço, disse que seu cliente está surpreso com os temas que parecem estar colocando obstáculos às negociações, sem revelar detalhes.

"Gostaríamos de ter a oportunidade de contar com pelo menos dois dias para poder conversar com os dois Governos e ver se algum tipo de resolução pode ser atingida, porque não é do interesse de ninguém que este tema não seja resolvido", disse o advogado.

Segundo Stern, "os temas aqui, como nós vemos, não parecem ser do tipo que provoquem um ponto morto nestas discussões".

Stuart Gibson, advogado da divisão tributária do Departamento de Justiça dos EUA, disse que as partes, na realidade, estão longe de chegar a um acordo.

"Acho que seria uma alteração da verdade dizer que concordo com a descrição que as partes estão a apenas minutos de conseguir um acordo", ressaltou.

Também se mostrou contra um novo adiamento do julgamento, ao alegar que não acham que "sirva aos interesses das partes neste momento".

No entanto, não fez objeções à solicitação do banco suíço de realizar outra conferência telefônica.

Em 13 de julho, o juiz Gold aceitou adiar até 3 de agosto um julgamento contra o UBS, enquanto os Estados Unidos e o banco tentam chegar a um acordo extrajudicial no caso que concentra a atenção da indústria bancária internacional, porque poderia afetar o sigilo bancário.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 227 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal