Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS



Promoção BLACK WEEK. Até o dia 02/12 valor promocional para o Treinamento sobre Fraudes Crédito e Comércio ! CLIQUE AQUI.


Acompanhe nosso Twitter

25/07/2009 - Portal Caparaó Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpe pelo telefone: Militar liga e grava toda a história

Por: Carlos Henrique Cruz


Novas tentativas de golpe via telefone aconteceram essa semana com moradores de Manhuaçu. Além das histórias de falsos seqüestros ou supostos acidentes, de vez em quando uma pessoa recebe uma mensagem no celular informando que foi contemplada numa promoção de prêmios de uma rede de televisão. O Assessor de Comunicação Organizacional do 11º BPM, Capitão Jeferson Vitor, gravou a conversa de um dos golpistas. O militar teria sido contemplado com um Corsa Sedan e cinco mil reais e ainda poderia ganhar mais um ano de cestas básicas. É mais um golpe na praça.
Uma pessoa recebeu a mensagem na quinta-feira, 23, com um texto informando que teria sido contemplada na promoção da Rede Record. Com o objetivo de gravar a conversa e mostrar como o golpe acontece, o Capitão Vitor fez a ligação para o tal número informado na mensagem. Do outro da linha, um cidadão atende e pede que ele passe o número do celular e a data da mensagem para confirmar se ele é mesmo o ganhador.

Depois de alguns instantes, ele volta ao telefone e diz que o número é da operadora Oi e que os computadores confirmaram a vítima como o 7º ganhador da promoção. Em seguida, pergunta se está ligando de um telefone fixo e garante que é uma obrigação da emissora o pagamento da ligação. Na realidade, a ligação de longa distância está sendo cobrada normalmente.

Para dar uma impressão de legalidade, o golpista vira e avisa que a pessoa está falando ao vivo na Rede Record e que a conversa é gravada com cinco auditores.

Fingindo acreditar, o Capitão Vitor diz que está cheio de contas e que pensou até que era um golpe na hora que recebeu a mensagem. O golpista então passa o nome e endereço da emissora para que o ganhador se certifique. Antônio Carlos da Silva diz que é Gerente Geral do Setor 8 de Premiação da Rede Record. Pergunta o nome do ganhador e o capitão diz que se chama Cláudio.

O militar comenta que está tremendo de emoção e golpista é mais cara de pau ainda: “Fique calmo, meu querido. O mais difícil aconteceu: no meio de 30 mil celulares, selecionaram o seu. O senhor foi o sétimo ganhador em dez no Brasil. Somente dez ganharam”.

OS PRÊMIOS

Depois do primeiro contato, o golpista Antônio explica como funcionou a promoção. É outra forma de conquista a confiança e enrolar a vítima. “As empresas patrocinadoras Banco do Brasil, Caixa, Bradesco, Transportadora Vitória e Nestlé se juntaram às operadoras Oi, TIM, Vivo e Claro para fazer uma promoção prática e segura. Cadastramos os clientes das operadoras e o computador selecionou os dez ganhadores entre 30 mil números de celulares”. Em seguida, diz que a Record tem vários anos de existência e que a Polícia Federal proibiu de pegarem documentos pessoais dos ganhadores.

O prêmio é um Corsa Sedan avaliado em 36.990 reais e mais cinco mil reais, mas o golpista, vendo que o Capitão falava que estava endividado, ofereceu a opção dele receber em dinheiro os 41.990 reais. E ele ainda avisa: “Por medida de segurança, cinco auditores estão gravando a conversa, além da Polícia Federal, Receita Federal e a Anatel”.

Antônio Carlos da Silva pergunta agora a cidade e diz que uma equipe de entrega vai trazer o prêmio até Manhuaçu. O dinheiro em espécie será liberado por um Diretor Financeiro chamado Edson Queiróz.

CARA DE PAU

Pensando que era ele quem estava enganando alguém, o golpista cara de pau ainda orienta o capitão que não deveria comentar da premiação para ninguém. “Meu querido ganhador, o senhor sabe que esse mundo que nós vivemos é muito perigoso”.

A promoção é chamada por ele de “Mega Promoção Espetacular Show de Prêmios da Rede Record”. O capitão fala idade, estado civil e tudo mais errado, mas o golpista dá como dados verdadeiros, bate papo e alonga a conversa.

O GOLPE

Depois disso tudo é que vem o golpe. Já passaram dez minutos de conversa. Antônio Carlos da Silva lembra que a Polícia Federal não permite que peguem o CPF ou a Identidade do ganhador e aí diz que para saberem quem ele é na hora de entregar o prêmio teria que comprar alguns produtos.

É esse o golpe. Primeiro deveria comprar uma lata de leite em pó da Nestlé, ligar e passar o código de barras. Assim, na hora da entrega era só mostrar a latinha para o pessoal entregar os prêmios.

O golpista ainda mistura uma campanha do SBT com a suposta promoção da Record. “O dinheiro desse leite em pó, a Nestlé vai doar para o projeto Ato Solidariedade. Vai doar para uma instituição de caridade chamada Teleton que ajuda meninos de rua em São Paulo com assistência médica, odontológica e ensino. Ou seja, você ainda vai estar ajudando”.

Em seguida, o golpista fala que como ele é cliente da Oi, terá que comprar 100 reais em cartões telefônicos pré-pagos de celulares da TIM e da Claro. “Pode ser de uma ou das duas, mas tem que fazer 100 reais”.

CESTA BÁSICA

Para enrolar ainda mais o suposto ganhador, Antônio Carlos da Silva diz que ele tem a chance de ganhar um ano de cestas básicas de 200 reais, mas para ser contemplado tem que sair comprar o leite em pó e os cartões em 45 minutos. Detalhe: tudo isso sem desligar o telefone, que está conectado num computador, senão perde os prêmios.

O militar é lógico não fez nada que o golpista pediu. Depois de 20 minutos de conversa, desligou o telefone. A história e a gravação toda servem de exemplo para que outras pessoas não caiam no golpe do telefone premiado.

O número é passado na mensagem para a pessoa ligar: 0318.592068937. Na realidade, basta observar mais atentamente para notar que está ligando para um celular em Fortaleza, no Ceará: 0 31 (85) 9206-8937.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 716 vezes




Comentários


Autor e data do comentário: André Gonçalves Nogueira - 20/08/2009 09:17

Hoje recebi essa ligação, até vou gastar uns R$ 20,00 de ligação, porém queria ver que pé dava, então percebi quese tratava de um golpe e desliguei.



O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal