Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

19/07/2009 - Agência Financeira Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Afinsa: Deco rejeita plano por temer «esquema piramidal»

Processo de falência segue em Espanha

Associação pede a lesados para que digam não a plano de viabilização da empresa

A Associação Portuguesa da Defesa do Consumidor (Deco) pediu aos 2.700 representados no caso Afinsa, para que rejeitem os planos de viabilização da empresa.

«A Deco rejeita o plano de recuperação [convénio proposto por um conjunto de clientes na última fase do processo de insolvência da Afinsa] por se tratar de uma proposta arriscada e inviável, já que transforma a empresa num esquema piramidal», revelou à Agência Lusa Pedro Moreira, jurista da associação.

O processo de falência decorre em Espanha, tendo sido apresentado aos clientes dois convénios para impedir a liquidação da Afinsa, um pelos antigos responsáveis pela filatélica em 2007 e outro mais recente, de um conjunto de clientes, de contornos semelhantes.

«Não há dinheiro escuro»

Já o fundador da Afinsa, Albertino de Figueiredo, afirmou que as autoridades anti-corrupção investigaram «em todos os países do mundo «e não conseguiram provar «nem um cêntimo de manipulações raras ou dinheiro escuro».

«Portugal respondeu em Março que não havia dinheiro nenhum meu no país. Julgavam que tinha uma fortuna», disse o criador do maior império filatélico do mundo, precisando que «a Holanda foi o último país a responder e também não há nada».

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 267 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal