Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

27/12/2006 - O Povo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Líder da quadrilha nega acusações

Por: Nicolau Araújo


O interrogatório do técnico em contabilidade Sirlênio Matos Capibaribe, 40, aponta para um "esquema" de fraudes em tomadas de preços da Prefeitura, sob o comando do comerciante José Gleydston Falcão Nobre, o Gleidinho, 39, referentes a cestas básicas e fardamentos. Segundo o técnico, empresas foram abertas a pedido de José Gleydston e manipuladas para licitações, através de documentações falsas sobre o período de funcionamento.

Sirlênio Matos disse no depoimento estar "bastante arrependido" por seu envolvimento no "esquema". O técnico responde ainda por crime de estelionato, diante da utilização de identidade falsa, quando no exercício da função de Agente da Infância e da Juventude, em Maranguape.

No depoimento mais aguardado, José Gleydston usou do direito de permanecer calado, mas desabafou ao dizer que "99% dos fatos mencionados na denúncia não são verdadeiros". O agente administrativo da Prefeitura de Fortaleza, Orlando Façanha da Rocha Neto, 41, negou as acusações de empréstimos fraudulentos e que estaria organizando preços para as empresas de José Gleydston. Já o capitão do Corpo de Bombeiros, Júlio César Castro Paiva, 37, afirmou que a sua participação na denúncia é "insignificante", pois se resumiria a cobranças de cheques em nome de José Gleydston.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 1238 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal